Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/2122
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: As âncoras nominais do Plano Real (1994 - 1998)
Autor(es)/Inventor(es): Visconti, Bruno Campos
Orientador: Bastian, Eduardo Figueiredo
Resumo: Analisa a estratégia do Plano Real de buscar âncoras nominais para dar continuidade ao processo de estabilização. Mais do que isso, objetiva analisar a teoria por trás da utilização de âncoras nominais e os impactos que estas tiveram no sucesso de controlar a inflação brasileira. Para isso são analisadas as principais âncoras, o histórico inflacionário brasileiro e a conjuntura que levou a opção pela adoção da âncora cambial como principal eixo de política econômica do Plano Real no período 1994-1998.
Palavras-chave: Âncoras nominais
Estabilização econômica
Plano Real
Inflação
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
Departamento: Instituto de Economia
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Dez-2011
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/2122
Aparece nas coleções:Ciências Econômicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BCVisconti.pdf749,89 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.