Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/2376
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: De Estocolmo a Copenhague: mídia meio ambiente e desenvolvimento sustentável
Autor(es)/Inventor(es): Borgerth, Mariana Hoeppner
Orientador: Braga, William Dias
Resumo: Analisa a evolução da cobertura ambiental desde o princípio da discussão sobre a crise climática, na década de 1970, até a Convenção das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, que se realiza em dezembro de 2009, na cidade de Copenhague (Dinamarca). O objetivo central é refletir sobre a imagem construída e veiculada pela mídia internacional acerca da situação no Brasil e das políticas que vêm sendo adotadas pelo país diante da iminente necessidade de definir estratégias capazes de minimizar os efeitos da crise ambiental e garantir alternativas para um desenvolvimento sustentável e socialmente responsável. Para a realização de pesquisa empírica, foi feito o acompanhamento, seleção e análise de matérias publicadas ao longo do ano de 2009 pelos jornais The New York Times e El País.
Palavras-chave: Jornalismo
Política internacional
Desenvolvimento sustentável
Imprensa Internacional
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::JORNALISMO E EDITORACAO
Departamento: Escola de Comunicação
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 7-Dez-2016
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Citação: BORGERTH, Mariana Hoeppner. De Estocolmo a Copenhague: Mídia meio ambiente e desenvolvimento sustentável. 2009. 58 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Jornalismo) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2009.
URI: http://hdl.handle.net/11422/2376
Aparece nas coleções:Comunicação - Jornalismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MBorgerth.pdf161,98 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.