Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/2468
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Um estudo do Royalties do petróleo: impactos sobre o desenvolvimento econômico dos municípios da Bacia de Campos
Autor(es)/Inventor(es): Miragaya, Jorge dos Santos
Orientador: Carvalho, René Louis de
Resumo: Análise sobre a importância das receitas de royalties e participações especiais, resultante de compensações financeiras, no desenvolvimento econômico dos municípios da Bacia de Campos. A adequada análise da aplicação dos recursos pressupõe o estudo das finanças dos estados e municípios beneficiários e da evolução de alguns dos seus indicadores de desenvolvimento. O primeiro permite verificar o esforço do beneficiário em destinar as receitas do petróleo a atividades que gerem retorno no futuro e o segundo avalia se a aplicação dos recursos está melhorando o padrão de vida da população. Entre as principais conclusões, obteve-se a confirmação de que os municípios beneficiários das receitas oriundas da exploração do petróleo não apresentaram uma ação voltada para um projeto de sustentabilidade, de diversificação da base produtiva local e da geração de trabalho e renda fora da cadeia do petróleo. A análise do estudo também revelou a falta de transparência na aplicação dos recursos.
Palavras-chave: Royalties
Desenvolvimento econômico
Crescimento econômico
Indústria petrolífera
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::ECONOMIAS AGRARIA E DOS RECURSOS NATURAIS::ECONOMIA DOS RECURSOS NATURAIS
Departamento: Instituto de Economia
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Set-2010
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/2468
Aparece nas coleções:Ciências Econômicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JSMiragaya.pdf371,93 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.