Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/2563
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Histórias em Quadrinhos como meio de Divulgação Científica
Autor(es)/Inventor(es): Silva, Jackelyne de Oliveira da
Orientador: Costa, Robson Santos
Resumo: Verifica se o discurso de divulgação científica nas histórias em quadrinhos influencia seus leitores na escolha de carreiras acadêmicas, partindo da hipótese de que as histórias em quadrinhos podem servir como meio para a divulgação científica. Propõe-se conceituar histórias em quadrinhos e divulgação científica, demonstrando como a linguagem das histórias em quadrinhos constrói um sentido e entendendo histórias em quadrinhos como um gênero discursivo de acordo com as concepções do pensador russo Mikhail Bakhtin. Para responder o objetivo proposto utilizou-se uma metodologia exploratória e descritiva, com abordagem tanto quantitativa quanto qualitativa, utilizando como coleta de dados um questionário aplicado para alunos dos cursos de graduação das universidades federais localizadas no Estado do Rio de Janeiro. O questionário obteve 29 respostas, onde, a partir dos resultados pode-se chegar à conclusão de que a maioria dos alunos não se sentem influenciados pelas histórias em quadrinhos a cursar alguma graduação.
Palavras-chave: Divulgação científica
História em quadrinhos
Gêneros textuais
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO::BIBLIOTECONOMIA
Departamento: Faculdade de Administração e Ciências Contábeis
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 4-Jan-2017
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/2563
Aparece nas coleções:Biblioteconomia e Gestão de Unidades de Informação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JOSilva.pdf1,98 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.