Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/674
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Economia política da política monetária : uma análise teórica comparativa
Autor(es)/Inventor(es): Vianna, Matheus Trotta
Orientador: Modenesi, Andre de Melo
Resumo: A taxa de juros brasileira é uma das mais altas do mundo, e é assim historicamente, apesar da tendência declinante dos últimos anos. Muitos autores vêm tentando explicar por que as taxas de juros no Brasil são tão altas. Uma das explicações é a tese da convenção pró-conservadorismo, desenvolvida por Fabio Erber, segundo a qual as altas taxas de juros seriam o resultado de uma influente coalizão de interesses formada em torno da manutenção dos juros em níveis elevados, e não um problema meramente técnico macroeconômico. Dentro desta tese, no tocante ao campo da economia política, existe uma agenda de pesquisa em aberto. Este trabalho busca construir, nessa agenda de pesquisa, uma contribuição para a discussão teórica em torno da não-neutralidade das decisões da política monetária. Para isto, o trabalho visa analisar diferentes abordagens da economia política de forma comparativa, ao fazer uma ampla resenha da literatura existente.
Palavras-chave: Economia política
Política monetária
Convenção de Desenvolvimento
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
Departamento: Instituto de Economia
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Dez-2014
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/674
Aparece nas coleções:Ciências Econômicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MTVianna.pdf566,04 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.