Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/879
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: História e propaganda política: a construção da imagem de Getúlio Vargas 1930 a 1945
Autor(es)/Inventor(es): Boeckel, Cristina Reis
Orientador: Nolasco, Sócrates Alvares
Resumo: Análise dos mecanismos utilizados pela propaganda política de Getúlio Vargas, no período de 1930 a 1945. e como foi construída na mídia a imagem de Vargas como o “pai dos pobres”. As causas que promoveram a ascensão de governos totalitários no Brasil e em outras partes do mundo. A organização e o funcionamento dos órgãos de propaganda oficial. Como era exercido o trabalho dos órgãos de censura e propaganda responsáveis por cercear o conteúdo dos veículos de comunicação e preencher os espaços públicos com mensagens favoráveis ao regime. A utilização do trabalho de artistas de sucesso como arma de promoção das realizações do presidente. A análise de algumas peças de propaganda produzidas neste período. O legado deixado pela propaganda da época para a propaganda atual.
Palavras-chave: Propaganda política
Era Vargas
Convergência
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::RELACOES PUBLICAS E PROPAGANDA
Departamento: Escola de Comunicação
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 30-Nov-2005
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Citação: BOECKEL, Cristina Reis. História e propaganda política: a construção da imagem de Getúlio Vargas 1930 a 1945. 2005. 92 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Publicidade e Propaganda) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2005.
URI: http://hdl.handle.net/11422/879
Aparece nas coleções:Comunicação - Publicidade

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CBoeckel.pdf1,09 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.