Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/12007
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSoares, Vanessa Brulon-
dc.contributor.authorFanzeres, Natália da Silva-
dc.date.accessioned2020-04-23T23:03:48Z-
dc.date.available2020-04-25T03:00:12Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/12007-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectComportamento do consumidorpt_BR
dc.subjectTrabalho escravo contemporâneopt_BR
dc.subjectLojas varejistaspt_BR
dc.subjectMídiapt_BR
dc.titleO comportamento dos consumidores em relação a lojas varejistas que utilizam trabalho análogo ao escravopt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7455566261719778pt_BR
dc.description.resumoEste trabalho tem o objetivo de analisar os fatores que influenciam o comportamento do consumidor em relação a marcas que utilizam trabalho análogo ao escravo em sua produção. Para atingir o mesmo, optou-se por realizar uma pesquisa exploratória de caráter qualitativa. A coleta de dados foi feita a partir de 26 entrevistas semiestruturadas com consumidores de 3 shoppings center da zona sul do Rio de Janeiro. Referente a análise de dados, foi feita análise de conteúdo das entrevistas buscando relacionar as respostas com fatores pré-definidos a partir da literatura que influenciam no comportamento do consumidor. Com esta análise, identificou-se que o fator cultural exerce grande influência nos consumidores por ser um fator tão natural que o mesmo não percebe sua influência e, além disso, todos os fatores apresentaram alguma influência, com intensidades diferentes. Os fatores de maior relevância foram os hiatos de conhecimento e a retenção seletiva, que fazem referência a como o consumidor recebe as informações da mídia relacionadas com trabalho análogo ao escravo. Tais fatores apresentaram uma forte influência no comportamento do consumidor. A análise mostrou que os consumidores preferem não reter informações nem notícias sobre o assunto ou acreditar que não existe esta prática de produção como forma de minimizar o sentimento de culpa em relação ao consumo.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Administração e Ciências Contábeispt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NSFanzeres.pdf177,45 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.