Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/12017
Type: Dissertação
Title: Efeitos relacionais no planejamento integrado de transportes
Author(s)/Inventor(s): Geaquinto, Pedro Dias
Advisor: Orrico Filho, Rômulo Dante
Co-advisor: Leiva, Guilherme de Castro
Abstract: Práticas no planejamento de transportes e de uso do solo podem criar condições para o estabelecimento de ciclos viciosos de processos urbanos descontrolados e ocorrências históricas de dispersão urbana, exclusão socioespacial e maior uso de automóveis. Como resposta, é empregado um método que aparelha o desenvolvimento orientado pelo transporte coletivo com análises tipológicas do território, de forma a identificar oportunidades e fraquezas na forma urbana. Essa dissertação tem como objetivo avaliar os efeitos das relações regionais de perfis de indicadores e inserir essa investigação no contexto desse planejamento integrado. O método utilizado foi regressão múltipla para verificar o desempenho e análise de agrupamentos para formar categorias territoriais. Os índices selecionados para o Leste Metropolitano do Rio de Janeiro foram concebidos a partir de suas ordens relacionais – alcance territorial e normalização escalar – e classificados de acordo com as referências morfológicas ou funcionais – respectivamente, variáveis estáticas, do ambiente construído, ou variáveis dinâmicas, do desempenho do transporte coletivo. Apesar de uma amostra agregada, a coincidência espacial entre as categorias de agrupamentos foi razoavelmente perceptível. Além disso, as construções metodológicas que possibilitaram a confecção do estudo representam uma contribuição importante – sobretudo a base teórica em relações socioespaciais, que construiu os indicadores, e a topologia de rede, que representa detalhadamente o transporte coletivo e a caminhada, que proporcionou a determinação das áreas de ponderação que formam o alcance territorial. vi
Abstract: Practices of transport and land use planning provide conditions for the establishment of vicious cycles of uncontrolled urban processes and historical occurrences of urban sprawl, sociospatial exclusion, and increased use of automobiles. A common reaction is to use methods that equip transit-oriented development approaches with typological analyses of the territory, in order to identify opportunities and weaknesses in the urban form. This dissertation aims to evaluate the effects of the regional relations of indicators and to introduce this assessment in the context of this kind of integrated planning. A multiple regression analysis was evaluated to verify the performance and cluster analysis was evaluated to form territorial categories. The indices selected for the Rio de Janeiro Metropolitan East were designed after their relational orders – territorial reach and scalar normalization – and classified according to their morphological or functional reference – respectively, static variables, the built environment, or dynamic variables, the transit performance. Despite a very aggregate sample, the spatial fit between the categories of clusters is reasonably discernible. In addition, the methodological constructs that produced the preparation of the study represent an important contribution – particularly, the theoretical basis on sociospatial relations, which constructed the indicators, and the network topology, which represents aspects of transit and walking in fine detail, that provided the areas that compose the territorial reach.
Keywords: interação de uso do solo e transportes
policentralidade funcional
Subject CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA DE TRANSPORTES
Program: Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Transportes
Production unit: Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia
Publisher: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Issue Date: Apr-2018
Publisher country: Brasil
Language: por
Right access: Acesso Aberto
Appears in Collections:Engenharia de Transportes

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PedroDiasGeaquinto.pdf3,2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.