Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/12097
Type: Trabalho de conclusão de graduação
Title: Vida encarcerada : a gestão penitenciária à luz das privatizações
Author(s)/Inventor(s): Bastos, Lucas da Silva Canto
Advisor: Bittencourt, Renato Nunes
Abstract: Dada a necessidade de intervenção nesta realidade de elevado custo pecuniário e degradação dos direitos humanos, os detentos necessitam de intervenções humanizadoras capazes de condicionar um ambiente propício à reeducação, reabilitação e reinserção social. Sob a ótica capitalista globalizada, as empresas possuem grande interesse nas privatizações das penitenciárias, vendendo o conceito como uma opção alternativa à realidade caótica, decorrente da falta de gestão efetiva por parte do Estado no ambiente prisional. Por isso, o presente estudo bibliográfico tem por objetivo analisar dois casos de penitenciárias privatizadas que aplicaram a atividade laboral na vida do detento, fazer uma crítica ao sistema capitalista de privatização que tem o preso pobre como um aparelho de produção de capital e a ausência de mudanças institucionais no ambiente penitenciário. Revelando que as cadeias privadas podem ter um custo maior para o Estado do que as penitenciárias públicas, não possuem a preocupação com a ressocialização do apenado, podendo tê-lo como uma mão de obra mais barata.
Keywords: Ressocialização
Privatizações
Trabalho de presidiários
Execução penal - Brasil
Subject CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Department : Faculdade de Administração e Ciências Contábeis
Publisher: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Issue Date: 2018
Publisher country: Brasil
Language: por
Right access: Acesso Aberto
Appears in Collections:Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LSCBastos.pdf193,01 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.