Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/12520
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorPassos, Antônio Eugênio Valverde Mariani-
dc.contributor.authorSilva, Beatriz Natalia de Almeida-
dc.date.accessioned2020-06-12T15:44:12Z-
dc.date.available2020-06-14T03:00:14Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/12520-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectLiderançapt_BR
dc.subjectLiderança transformacionalpt_BR
dc.subjectTipos psicológicospt_BR
dc.titleA compatibilidade de tipos psicológicos de estudantes universitários de administração com a liderança transformacionalpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7541294995948237pt_BR
dc.description.resumoO modo como um líder influencia e como pode ser fundamental no processo organizacional sempre é um fato que instiga estudos e conhecimentos para que haja um aperfeiçoamento em um modelo de gestão. Por isso, a liderança é um tema que atrai muito interesse, há muitos anos, por parte de vários campos de estudo resultando assim em muitas abordagens que foram se aperfeiçoando e se complementando ao longo do tempo. Na literatura atual, tem-se a liderança transformacional que é considerada a mais recente na literatura sendo o principal foco de muitos estudos. Baseando nesse fato, e no trabalho realizado por Neto, Tanure, Santos e Lima (2012), esse presente estudo tem como objetivo discutir a congruência entre os tipos psicológicos de egressos da graduação em Administração da Universidade Federal do Rio de Janeiro e os postulados da liderança transformacional. Para isso, de suporte conceitual, tem-se um referencial teórico evidenciando a evolução das abordagens da liderança e também sobre a teoria de Carl Gustav Jung para a definição e classificação dos tipos psicológicos. Com uma amostra de 101estudantes do curso de administração da UFRJ, através do método quantitativo e da técnica Survey por meio do Questionário de Avaliação Tipológica (QUATI), foi possível identificar três tipos psicológicos mais frequentes entre os estudantes. Esses tipos psicológicos foram o E St Ss (Extrovertido, função principal sentimento, função auxiliar sensação), I St Ss (Introvertido, função principal sentimento, função auxiliar sensação) e E St In (Extrovertido, função principal sentimento, função auxiliar intuição). Feita a comparação das características desses tipos psicológicos com as características da liderança transformacional, identificou-se que os estudantes da amostra têm mais convergências com um perfil de líder transformacional.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Administração e Ciências Contábeispt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BNASilva.pdf584,16 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.