Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/12593
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorGiambiagi, Irene-
dc.contributor.authorSilva, Jaqueline Soares da-
dc.date.accessioned2020-06-22T16:46:51Z-
dc.date.available2020-06-24T03:00:20Z-
dc.date.issued2019-04-
dc.identifier.citationSILVA, Jaqueline Soares da. Formação de Professores: os desafios das mães universitárias no curso de pedagogia da UFRJ. 2019.Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Pedagogia) - Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/12593-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectEstudantes universitáriaspt_BR
dc.subjectMaternidadept_BR
dc.subjectGravidezpt_BR
dc.subjectCrechespt_BR
dc.subjectPolíticas públicaspt_BR
dc.subjectAssistência estudantilpt_BR
dc.titleFormação de professores: os desafios das mães universitárias no curso de pedagogia da UFRJpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.referee1Muanis, Maria Comes-
dc.contributor.referee2Santos, Suzy dos-
dc.description.resumoOs objetivos gerais que nortearam a elaboração do presente trabalho consistiram em compreender os principais desafios vivenciados pelas mães universitárias no curso de pedagogia da UFRJ e conhecer políticas de permanência voltadas para a continuidade dos estudos universitários de mães e gestantes. Realizei uma pesquisa de cunho qualitativo, para a qual elaborei um questionário estruturado, respondido por 10 mães universitárias de 18 a 34 anos, cursando diferentes períodos na faculdade de educação. O referencial teórico utilizado baseou-se nos autores Winnicott, Glat, Greer, Sampaio e Beauvoir. O trabalho está dividido em três capítulos: no primeiro, abordo os temas mães na universidade, gravidez e continuidade dos estudos de graduação, maternidade e relacionamento; no segundo, analiso a relação entre mães e a legislação sobre a temática, a luta por creche e a oferta de educação desde o nascimento; também explico os movimentos e a assistência às mães universitárias; no terceiro e último capítulo, exponho as análises das entrevistas e a narrativa das mães, com destaque para as dificuldades vivenciadas por elas em seu dia a dia. Mediante o que foi estudado ao longo do processo de elaboração deste trabalho, pude perceber que, apesar das mães em alguns estados brasileiros terem assistência estudantil, ainda faltam muita informação e políticas públicas para que os direitos das mães universitárias possam realmente ser respeitados. Finalizo a monografia relatando minha própria vivência, apontando sugestões de melhorias para o cumprimento dos direitos das mães universitárias e refletindo sobre como conciliar as exigências e a complexidade da vida acadêmica em seus diversos aspectos com a plenitude de um momento único e especial na vida das mulheres, que é a maternidade.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Educaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Pedagogia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JSilva.pdf720.75 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.