Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/15034
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMattos, Tatiana Clarkson-
dc.contributor.authorPaulo, Danielle Pereira-
dc.date.accessioned2021-09-02T14:17:38Z-
dc.date.available2021-09-04T03:00:13Z-
dc.date.issued2020-07-07-
dc.identifier.citationPAULO, Danielle Pereira. Análise do projeto de Residência Multiprofissional do Estado do Rio de Janeiro: uma proposta de interiorização da Estratégia de Saúde da Família. 2020. 47 f. Trabalho de conclusão de curso (Residência em Saúde Coletiva) - Instituto de Estudos em Saúde Coletiva, Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 2020.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/15034-
dc.description.abstractThe State Department of Health's mission is to induce, monitor and support public policies in health in the municipalities, promoting the organization and qualification of the Assistance Network in the guarantee of comprehensive health care. To this end, the current state health management in Rio de January established the qualification and expansion of the Health Strategy as a government goal. of the Family in the interior of the state of Rio de Janeiro. One of the actions implemented for achieving this objective was the creation of the Multiprofessional Residency Program in Health of the Family, from the Rio de Janeiro State Health Department (SES-RJ). The purpose of this work is to contextualize and critically analyze the modeling proposed for this project. For Therefore, a narrative review of the literature was carried out in order to investigate the origin and the legal milestones of residency programs and other experiences of creative processes lived by municipal and state administrations, to make a counterpoint between the strategies and the resources used between the SES-RJ project and other municipalities and states. The results of this investigation brought 5 examples of residency programs implemented in three regions of Brazil, in the areas of Primary Care and Hospital Care, both multidisciplinary and uniprofessionals. The reading of these experiences allowed the elaboration of categories of analysis as a guiding thread for problematizing the suggestions that the SES-RJ project brings to the implantation of the residence. The study concludes that the project of the Program of SES-RJ's Multiprofessional Residency brings some innovations in an attempt to enhance the preceptorship and tutoring. Strategies that encourage the migration process are also observed by students to the interior of the state, as well as strategies that encourage future residents to choose Family Health as a specialization. However, the absence of a process of collective construction with local managers to formulate a health action which should be carried out in its territory, and disregarding the social political context current at the time of implementation of the program, may compromise the adhesion of municipalities the project and, consequently, the execution of the same.en
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectEducação em saúdept_BR
dc.subjectPolítica de saúdept_BR
dc.subjectResidência multiprofissionalpt_BR
dc.subjectEstratégia de Saúde da Famíliapt_BR
dc.titleAnálise do projeto de Residência Multiprofissional do Estado do Rio de Janeiro: uma proposta de interiorização da Estratégia de Saúde da Famíliapt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de especializaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/2542437143112416pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/9948502778462560pt_BR
dc.contributor.referee1Mendonça, Paulo Eduardo Xavier-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0208276312306226pt_BR
dc.contributor.referee2Guimarães, Tereza Cristina da Fonseca-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/5204508459168696pt_BR
dc.description.resumoA Secretaria de Estado de Saúde tem por missão induzir, fiscalizar e apoiar políticas públicas em saúde nos municípios, promovendo a organização e qualificação da Rede Assistencial na garantia da atenção integral à saúde. Para tanto, a atual gestão estadual de saúde do Rio de Janeiro estabeleceu como meta de governo a qualificação e a ampliação da Estratégia de Saúde da Família no interior do estado do Rio de Janeiro. Uma das ações implementadas para alcançar este objetivo foi a criação do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde da Família, da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro (SES-RJ). O objetivo deste trabalho é contextualizar e analisar criticamente a modelagem proposta a este projeto. Para tanto, foi realizada uma revisão narrativa da literatura com o intuito de investigar a origem e os marcos legais dos programas de residência além de outras experiências de processos de criação vividos por gestões municipais e estaduais, para fazer o contraponto entre as estratégias e os recursos utilizados entre o projeto da SES-RJ e os demais municípios e estados. Os resultados dessa investigação trouxeram 5 exemplos de programas de residência implantados em três regiões do Brasil, nas áreas da Atenção Básica e Atenção Hospitalar, tanto multiprofissionais quanto uniprofissionais. A leitura dessas experiências permitiu a elaboração de categorias de análise como fio condutor para a problematização sobre as sugestões que o projeto da SES-RJ traz para a implantação da residência. O estudo conclui que o projeto do Programa de Residência Multiprofissional da SES-RJ traz algumas inovações na tentativa de valorizar a preceptoria e tutoria. Também são observadas estratégias que incitam o processo migratório pelos alunos para o interior do estado, bem como estratégias que incentivam os futuros residentes a escolherem a Saúde da Família como especialização. No entanto, a ausência de um processo de construção coletiva junto aos gestores locais para formular uma ação de saúde que deverá ser executada em seu território, e ao desconsiderar o contexto político social vigente no momento da implantação do programa, pode comprometer a adesão dos municípios ao projeto e, por consequência, a execução do mesmo.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Estudos em Saúde Coletivapt_BR
dc.publisher.programCurso de Residência Multiprofissional em Saúde Coletivapt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Saúde Coletiva

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DPPaulo.pdf241.37 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.