Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/15493
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAlves, Flávia Chaves-
dc.contributor.authorFreitas, Luís André de-
dc.date.accessioned2021-11-04T18:27:55Z-
dc.date.available2021-11-06T03:00:13Z-
dc.date.issued2021-10-05-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/15493-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectGaseificaçãopt_BR
dc.subjectEtanolpt_BR
dc.subjectBiomassapt_BR
dc.subjectMadeirapt_BR
dc.titleAnálise técnico-econômica de produção de etanol por gaseificação direta de biomassa lignocelulósicapt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/3397420209742510pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/2339813876348953pt_BR
dc.contributor.advisorCo1Oroski, Fábio de Almeida-
dc.contributor.advisorCo1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9380873464036320pt_BR
dc.contributor.referee1Mehl, Ana-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6704067583523167pt_BR
dc.contributor.referee2Oliveira, Júlia Pancini de-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/2867379299731386pt_BR
dc.contributor.referee3Hoffmann, Bettina Susanne-
dc.contributor.referee3Latteshttp://lattes.cnpq.br/6952234699501395pt_BR
dc.description.resumoO aumento da preocupação com o impacto ambiental causado pelo uso de combustíveis fósseis estimula a busca por fontes renováveis de energia para substituí-los. Neste sentido, o etanol se apresenta como uma alternativa interessante. Ele se destaca como combustível automotivo, sendo utilizado tanto na forma anidra, misturado na gasolina, quanto na versão hidratada, sendo vendido diretamente nos postos de combustíveis. Estados Unidos e Brasil são os maiores produtores e consumidores de etanol. A produção nestes países é feita pela rota biotecnológica, principalmente a partir da fermentação de milho, no primeiro, e de cana-de-açúcar no segundo. Como forma de aproveitar resíduos de diversas fontes e atividades como matéria-prima, nos últimos anos iniciativas vêm investindo na rota termoquímica, que consiste na gaseificação de matéria orgânica de diferentes origens. Este processo gera uma mistura denominada gás de síntese, a partir da qual grande variedade de moléculas orgânicas podem ser sintetizadas, incluindo o etanol. No entanto, uma série de desafios, principalmente de natureza econômica, fizeram com que poucos projetos comerciais saíssem do papel. O presente trabalho se baseou em estudo do National Renewable Energy Laboratory (NREL) sobre uma planta de produção de etanol a partir da gaseificação direta de resíduos de madeira nos Estados Unidos. A partir dos dados deste estudo e de refêrencias na literatura sobre avaliação econômica de projetos da indústria química, estimou-se os investimentos e os custos de produção referentes a uma planta similar instalada no Brasil. Com estas estimativas, foi possível realizar exercícios de fluxo de caixa descontado e calcular métricas de matemática financeira, a fim de entender a viabilidade econômica do projeto. Os resultados apontaram que o projeto não é viavel economicamente, e apesar da estrutura de custos competitiva com a rota fermentativa a partir de cana-de-açúcar, os investimentos elevados mostraram a baixa competitividade desta unidade industrial. Observou-se que, comparando com a produção de etanol de cana, os custos da planta de gaseificação são equivalentes, mas o investimento é quase 8 vezes maior. Em seguida, análises de sensibilidade foram realizadas, testando conjuntos de cenários para algumas variáveis do projeto. Estas análises também indicaram resultados negativos, inclusive para os cenários mais otimistas. Com estas observações, entende-se que a rota termoquímica ainda tem muito o que evoluir, apesar dos avanços recentes de algumas empresas e iniciativas, antes de poder ser considerada uma tecnologia plausível para a produção de etanol.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Químicapt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA QUIMICApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LAFreitas.pdf2.01 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.