Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/2724
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorPereira, Patrícia Mallmann Souto-
dc.contributor.authorBarbosa, Núria Peçanha-
dc.date.accessioned2017-08-18T18:54:40Z-
dc.date.available2017-08-20T03:00:23Z-
dc.date.issued2017-01-04-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/2724-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectIgualdade socialpt_BR
dc.subjectDeficiência intelectualpt_BR
dc.subjectBiblioteca Públicapt_BR
dc.subjectAcessibilidadept_BR
dc.titleInclusão de pessoas com deficiências intelectuais em bibliotecas públicas: o caso da Biblioteca de São Paulopt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/1325151429029790pt_BR
dc.contributor.advisorCo1Miranda, Analice Valdman de-
dc.contributor.advisorCo1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9544712292655470pt_BR
dc.contributor.referee1Coutinho, Luciano Rodrigues de Souza-
dc.contributor.referee2Sá, Maria Irene da Fonseca e-
dc.description.resumoComo uma instituição democrática, a biblioteca pública deve oferecer igualdade de acesso a todos os usuários. A lei nº 13.146, de 06 de julho de 2015 (Lei Brasileira de Inclusão) oficializa esta igualdade, sendo o seu cumprimento fundamental à inclusão social. O estudo aborda a importância da inclusão de pessoas com deficiências intelectuais em bibliotecas públicas. Tem como objetivo geral analisar como ocorre a inclusão de pessoas com deficiências intelectuais em bibliotecas públicas, tendo como caso a Biblioteca de São Paulo, no atendimento à lei nº 13.146. Para o estudo do tema proposto foi utilizada abordagem qualitativa de pesquisa por meio de um estudo de caso e a coleta de dados foi realizada através de questionário e análise documental. Foram adotadas três categorias para investigação: a) acervo; b) atendimento e c) atividades. Os resultados apontam a necessidade de oferecer recursos informacionais acessíveis aos usuários com deficiência intelectual e de maior especialização dos profissionais da biblioteca. Conclui que a biblioteca pública deve criar condições que favoreçam a autonomia desses usuários para poder ser, de fato, considerada inclusiva.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Administração e Ciências Contábeispt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO::BIBLIOTECONOMIApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Aparece nas coleções:Biblioteconomia e Gestão de Unidades de Informação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC_2_Núria_.pdf507,75 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.