Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/11422/2959
Especie: Trabalho de conclusão de graduação
Título : A utilização da música como estímulo e fixador de conceitos no ensino da refração na ótica geométrica
Autor(es)/Inventor(es): Cordeiro, Gabriel Manoel da Costa
Tutor: Moreira, Lígia de Farias
Resumen: Lecionando em turmas preparatórias aos concursos de admissão para escolas de formação das Forças Armadas, nesses quatro anos, pude constatar que o mesmo desanimo e falta de motivação apresentada pelos alunos do ensino regular e enfrentado pelos professores ocorre nessa modalidade de “ensino”. O que parece contraditório, uma vez que esses cursos são pagos. Enfrentando essa realidade, busquei novas metodologias que pudessem mudar esse quadro geral e motivassem os alunos para o estudo da Física. Encontrei na utilização da música uma maneira lúdica e eficaz de aumentar o interesse da classe e do nível de participação dos alunos durante as aulas. Neste trabalho analisamos o desempenho dos alunos de quatro turmas preparatórias as escolas militares quando submetidos ao estudo da refração da luz utilizando a música. Utilizaremos a faixa no. 14 do CD ADORO FÍSICA. Nosso principal objetivo será o de tentar mensuram os possíveis benefícios que essa metodologia pode trazer para a memorização dos conceitos desenvolvidos na sala e trabalhadas na letra da música.
Palabras clave : Ótica geométrica
Música
Materia CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::FISICA::AREAS CLASSICAS DE FENOMENOLOGIA E SUAS APLICACOES::OTICA
Unidade de producción: Instituto de Física
Editorial : Universidade Federal do Rio de Janeiro
Fecha de publicación: ago-2002
País de edición : Brasil
Idioma de publicación: por
Tipo de acceso : Acesso Aberto
Aparece en las colecciones: Física

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
GMCCordeiro.pdf3,68 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Los ítems de DSpace están protegidos por copyright, con todos los derechos reservados, a menos que se indique lo contrario.