Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/3485
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorLopes, Francisco de Rezende-
dc.contributor.authorFerreira, Antonio Colatino-
dc.date.accessioned2018-01-16T16:48:17Z-
dc.date.available2018-01-18T02:01:57Z-
dc.date.issued1985-03-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/3485-
dc.description.abstractThis thesis deals with foundation pile performance when subjected to vertical load tests. The most usual types of piles are investigated. Load tests are analysed with the purpose of verifying the influence of the loading rate on settlements and on failure loads. It is observed that a more rapid loading - or less rigorous stabilization criterion - leads to smaller settlements and greater load capacity. Load tests are backanalysed to obtain soil deformability moduli, to be employed in the calculation of settlements. A simple method for computation of settlements is proposed, making use of dynamic penetration test (SPT) results. Finally, some cases of group settlements are analysed, by comparing settlements calculated by an empirical method and actually observed.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectEngenharia Civilpt_BR
dc.titleEfeito do tempo de carregamento e a questão dos recalques de estacas em provas de cargapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/0717512913742227pt_BR
dc.contributor.referee1Velloso, Dirceu de Alencar-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/8984342915489495pt_BR
dc.contributor.referee2Soares, Márcio Miranda-
dc.contributor.referee3Aoki, Nelson-
dc.description.resumoOs assuntos tratados neste trabalho são relacionados com fundações em estacas, abordando o seu comportamento quando submetidas a provas de carga verticais. São examinados os tipos de estacas mais usuais. Analisam-se provas de carga com o objetivo de se verificar a influência da velocidade de carregamento sobre os recalques apresentados nas provas, assim como sobre as cargas de ruptura. Observa-se que carregamentos mais rápidos - ou critérios de estabilização menos rigorosos - conduzem a recalques menores e capacidades de carga maiores. Provas de carga são, ainda, retro-analisadas a fim de se obter módulos de deformabilidade do solo, a serem empregados em estimativas de recalques. Procura-se ajustar um método expedito para cálculo de recalques, utilizando-se resultados de ensaios de penetração dinâmica - SPT. Finalmente, analisam-se alguns casos de recalques de grupos, comparando-se previsões de método empírico com os recalques observados.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenhariapt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Civilpt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVILpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Aparece nas coleções:Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
162331.pdf2,04 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.