Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/3968
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Rebeldes e revolucionários: o imaginário ideológico dos personagens Bazarov e Rakhmetov na Rússia do século XIX
Autor(es)/Inventor(es): Henriques, Nádia Carvalho dos Santos
Orientador: Soares, Sonia Branco
Resumo: Aborda de duas obras de relevância na sociedade russa – Pais e Filhos e O que Fazer? - , e seus respetivos personagens que alimentaram o imaginário revolucionário russo do século XIX, Bazarov e Rakhmetov. Além de o segundo romance ser uma resposta ao primeiro, ambos compreendem fatores literários e fundamentos ideológicos bastante particulares como ao mesmo tempo similares. A importância dessas obras, em relação ao desenvolvimento de princípios e ideais niilistas, naturalistas e utilitarista, foram foco de inspiração do imaginário ideológico dos jovens russo da metade do século XIX, assim como pivô dos constantes ataques de natureza rebelde contra a autocracia e a servidão que imperavam e estruturavam a sociedade russa por tantos séculos até então. São personagens tão estranhos, singulares e intensos que a admiração perpassa o século XIX e ecoa em figuras revolucionárias emblemáticas do século XX. Este trabalho busca penetrar, primeiramente, no propósito dos autores em relação às obras, e em seguida focar nos personagens relevantes para a constituição e transformação social e ideológica russa da época.
Palavras-chave: Literatura russa
Assunto CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LITERATURAS ESTRANGEIRAS MODERNAS
Departamento: Faculdade de Letras
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 2017
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/3968
Aparece nas coleções:Letras - Russo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
HENRIQUES, N.C..pdf532,94 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.