Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/4241
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Caracterização mineralógica do regolito do depósito de níquel laterítico de Santa Fé - GO
Autor(es)/Inventor(es): Gonçalves, Itamar Pereira
Orientador: Porto, Claudio Gerheim
Coorientador: Polivanov, Helena
Resumo: Com o aumento da demanda, principalmente na utilização para Aço Inox, e com o aumento do preço do níquel nos últimos anos a exploração deste metal foi incentivada e fomentada por empresas do setor mineral. As principais reservas de níquel do mundo ocorrem sobre áreas as quais sofreram intensa laterização, como no caso de Santa Fé (GO) e podem estar associadas a diversas fases minerais silicatadas e oxidadas, como minerais de argila e óxidos e hidróxidos de ferro, em que a predominância da fase mineral portadora de níquel irá classificar o tipo do depósito. Os diversos fatores do controle e da distribuição de ocorrência de níquel laterítico são clima, geomorfologia, drenagem, litologia e estrutura, que atuam de forma combinada podendo haver um ou mais fatores de maior influência e assim controlar as características de um depósito. Este trabalho tem por objetivo a caracterização mineralógica do regolito do depósito de níquel laterítico de Santa Fé, localizada no estado de Goiás. Nas amostras analisadas, em um total de dez amostras, analisamos apenas a fração argila. Na etapa laboratorial, foi retirado o ferro livre e adsorvido nas superfícies dos minerais, eliminando os óxidos e hidróxidos de ferro. Em nossos resultados foram encontrados os seguintes minerais: esmectitas, cloritas, e lizarditas, além de caolinitas, ilitas e interestratificados desses minerais. Desses, apenas cloritas, esmectitas e lizarditas são potenciais portadores de níquel. poços sobre peridotitos e piroxenitos e podem ter origem por neogênese e transformação a partir das micas trioctaedrais. As lizarditas são minerais primários nessas rochas e estão associadas à rocha fresca serpentinizada. Já as cloritas devem ser secundárias no depósito. Outros trabalhos devem ser efetuados para uma melhor caracterização desses potenciais minerais portadores de níquel encontrados neste trabalho, em especial análises de microssonda eletrônica de varredura(MEV).
Palavras-chave: Níquel laterítico
Santa Fé - GO
Mineralogia
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Departamento: Instituto de Geociências
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Dez-2007
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/4241
Aparece nas coleções:Geologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GONCALVES, I.P.pdf1,69 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.