Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/4358
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Mapeamento geológico da Serra Paraíso, Campos Gerais, Minas Gerais
Autor(es)/Inventor(es): Carvalho, Marcos Vinicius Monteiro de
Orientador: Paciullo, Fabio Vito Pentagna
Resumo: O contexto geológico da região estudada relaciona-se com o Complexo Campos Gerais e com sucessões metassedimentares siliciclásticas das nappes Varginha-Guaxupé e Luminárias - São Tomé das Letras - Carmo da Cachoeira. O objetivo desse trabalho foi confecção do mapeamento geológico e estrutural da Serra do Paraíso e adjacências. Foram reconhecidas quatro unidades: 1- Embasamento composto por ortognaisses migmatíticos arqueanos/paleoproterozóicos representando o Complexo Campos Gerais; 2 - Paragnaisses, representados por (hornblenda) biotita gnaisse; 3 - Quartzito com intercalações de muscovita xisto cinzento; 4 – Metagrauvaca. As três últimas unidades são relacionadas a Sucessões Metassedimentares Neoproterozoicas. As duas primeiras unidades metassedimentares são semelhantes àquelas encontradas nas unidades basais da Sequência Carrancas, Megassequência Andrelandia e as metagrauvacas com a Formação Samburá do Grupo Bambuí. Foram reconhecidas três fases de deformação. A fase D1 gerou uma grande dobra em bainha, dobras parasíticas simétricas fechadas a isoclinais, foliação principal continua S1 e lineação de estiramento L1 evidenciando transporte tectônico para ESE. A fase D2 está representada por uma grande dobra antiformal assimétrica plungeante inclinada para sul, vergência para norte e eixos com mergulhos para E ou W, além de uma xistosidade plano axial S1+2. A fase D3 redobra as estruturas anteriores em dobras abertas simétricas plungeantes para sul e planos axiais subverticais. O metamorfismo é representado por fácies xisto verde-anfibolito (hornblenda verde escura) com retrometamorfismo na fácies xisto verde (muscovita, clorita, estilpnomelana).
Palavras-chave: Complexo Campos Gerais
Sucessões Metassedimentares Neoproterozoicas
nappes
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Departamento: Instituto de Geociências
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Abr-2010
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/4358
Aparece nas coleções:Geologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CARVALHO, M.V.M.pdf6,1 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.