Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/4484
Tipo: Dissertação
Título: Aspectos da Ontogenia do Jacu-guaçu (Penelope obscura bronzina Hellmayr, 1914), segundo levantamento em cativeiro
Autor(es)/Inventor(es): Neves , Valéria Pequeno Pedrosa
Orientador: Sick , Heinrich Maximilian Friedrich Hellmuth
Resumo: Este estudo apresenta dados sobre a biologia do jacu-guaçu ( Penelope obscura bronzina Hellmayr, 1914) em cativeiro, dando-se ênfase especial à sua ontogenia. A nutrição pareceu influenciar diretamente no tamanho dos ovos. Em 3 anos foram registrados 279 ovos, dos quais 36% eram férteis; destes, 77% eclodiram, e 19% dos filhotes morreram. Sessenta e três pintos foram estudados, 33 deles até a idade de 6 meses. As medidas do cúlmen, do tarso e da asa e o peso dos filhotes foram coletados quinzenalmente. A asa teve o maior crescimento relativo nos primeiros 15 dias, enquanto o cúlmen, o tarso e o peso o tiveram nas quatro primeiras semanas. Com exceção do peso, os outros coeficientes, quinzenais de crescimento determinaram que o desenvolvimeno dos indivíduos tendeu ao equilíbrio a partir dos 120 dias. No entanto, os gráficos do cúlmen e do peso não traduziram estabilidade até os 6 meses. O filhote passou por uma fase juvenil, com penas fuliginosas no manto e nas coberteiras menores da asa, sendo que no adulto essas regiões eram negras com lustro verde e bordas laterais das penas brancas. Existiu muita variação no padrão de colorido da plumagem natal dos pintos, não sendo encontrada qualquer característica que determinasse o sexo, mesmo em relação às regiões nuas . Aos 90 dias, o jovem jacu assemelhava-se ao adulto, apesar de algumas partes do corpo terem feito mais de uma muda, e outras, apenas uma. A maturidade sexual foi atingida ao completar 1 ano . O sucesso na reprodução de um casal em determinado ano não significou que o mesmo ocorreria na temporada seguinte .
Resumo : Por fazer
Palavras-chave: Jacu-guaçu
Galiformes
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
Programa: Pós-Graduação em Zoologia
Departamento: Museu Nacional
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 8-Dez-1988
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/4484
Aparece nas coleções:Zoologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
458845.pdf3,58 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.