Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/4830
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMendonça Filho, João Graciano-
dc.contributor.authorSilva, Sabrina Barroso-
dc.date.accessioned2018-09-04T11:46:47Z-
dc.date.available2018-09-06T03:00:15Z-
dc.date.issued2014-05-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/4830-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectLagoa Vermelhapt_BR
dc.subjectAmbiente Hipersalinopt_BR
dc.subjectSedimentação Carbonáticapt_BR
dc.subjectPalinofáciespt_BR
dc.subjectMatéria Orgânica Particuladapt_BR
dc.titleCaracterização palinofaciológica e organogeoquímica de testemunhos da Lagoa Vermelhapt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/0961099296657502pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7251499259009994pt_BR
dc.contributor.advisorCo1Oliveira, Antônio Donizeti de-
dc.contributor.advisorCo1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6140975571270826pt_BR
dc.description.resumoA importância das rochas carbonáticas é amplamente reconhecida por estarem frequentemente associadas a grandes reservatórios de hidrocarbonetos. Grande parte das mais eminentes acumulações ao redor do mundo ocorre em sequências carbonato-evaporíticas, aumentando, assim, a necessidade do entendimento dos processos que ocorrem neste sistema. Neste trabalho foram realizadas análises de Palinofácies associadas às técnicas de geoquímica orgânica, com o objetivo de estudar os sedimentos da Lagoa Vermelha gerando um maior conhecimento das condições deposicionais durante a evolução holocênica, por ser considerada uma região análoga a sedimentação de paleodepósitos. Os sedimentos foram retirados de dois testemunhos do bolsão central da Lagoa Vermelha, localizada a leste da cidade do Rio de Janeiro, sendo caracterizada por sedimentação carbonática, presença de estruturas organossedimentares e processos atuais de dolomitização em um contexto de microclima semiárido. Constatou-se que a base do intervalo estudado caracteriza a deposição dos sedimentos em um momento anterior ao isolamento da Lagoa Vermelha, enquanto o pacote carbonático é referente a uma deposição muito restrita em condições de salinidade elevada. Na Palinofácies, observou-se o predomínio do grupo da matéria orgânica amorfa (MOA) ao longo de todos os intervalos, principalmente do subgrupo MOA Pelicular que possui origem microbiana, além de uns poucos dinocistos. Na relação COT/S comprovou-se que não houve intervalos representativos de sedimentação marinha. Sugeriu-se uma relação do COT com a disponibilidade de nutrientes e a salinidade.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Geociênciaspt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SILVA, S.B.pdf971,07 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.