Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/5153
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva, Adalberto da-
dc.contributor.authorBorges, Tom Araujo-
dc.date.accessioned2018-09-26T14:11:45Z-
dc.date.available2018-09-28T03:00:15Z-
dc.date.issued2006-12-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/5153-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectAlto Cabo Friopt_BR
dc.subjectSismoestratigrafiapt_BR
dc.subjectBacia de Campospt_BR
dc.titleInfluência do Alto de Cabo Frio na sedimentação da bacia de Campospt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/0608686882314044pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/0628557830134936pt_BR
dc.contributor.advisorCo1Mello, Cláudio Limeira-
dc.contributor.advisorCo1Latteshttp://lattes.cnpq.br/8440044607836952pt_BR
dc.contributor.referee1Carvalho, Ismar de Souza-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2138654072839905pt_BR
dc.contributor.referee2Ribeiro, André-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/0217055111543883pt_BR
dc.description.resumoA Bacia de Campos possui seu limite sul, com a Bacia de Santos, representado pelo Alto de Cabo Frio, uma área relativamente pouco explorada dentro da bacia. Este trabalho utilizou-se da sismoestratigrafia como ferramenta para verificar a atuação do Alto de Cabo Frio no controle da deposição dos sedimentos da Bacia de Campos. Foram interpretadas duas linhas sísmicas 2D, de direções N-S e NNW-SSE, estendendo-se da região do Cabo de São Tomé ao platô de Cabo Frio. Foram identificadas sete unidades sismoestratigráficas, limitadas no topo e na base por discordâncias regionais. A análise dos padrões sísmicos e suas terminações principais na região do Alto de Cabo Frio indicam que o Alto de Cabo Frio é uma feição que separa as bacias de Campos e Santos desde a abertura do Oceano Atlântico, e que, a partir do Oligoceno, este alto estrutural não mais impediu a passagem de sedimentos.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Geociênciaspt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BORGES, T.A.pdf6,3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.