Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5186
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: O crescimento espanhol entre 1995 a 2006 era sustentável?
Autor(es)/Inventor(es): Braga, Gustavo Katz
Orientador: Licha, Antonio Luis
Resumo: O presente trabalho tem por objetivo analisar o crescimento do produto espanhol no período entre 1995 a 2006. A maior parte desse crescimento pode ser explicada pelo crescimento dos fatores capital e trabalho. O primeiro decorreu da grande expansão do crédito vivida pela Espanha nesse período. Já a força produtiva foi estimulada pelo grande fluxo migratório que atingiu a Espanha no período. No entanto, esse modelo de crescimento gerou diversos desequilíbrios na economia, tais como os baixos ganhos de produtividade, a queda na taxa de competitividade dos seus produtos, o aumento constante do déficit externo e a formação de uma bolha imobiliária. Assim, concluímos que a acumulação desses grandes desequilíbrios em toda a economia, impossibilitaria a continuação dessa fase expansiva no longo prazo.
Palavras-chave: Crescimento econômica
Macroeconomia
Economia espanhola
Crescimento demográfico
Indicadores econômicos
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
Departamento: Instituto de Economia
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Mar-2009
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5186
Aparece nas coleções:Ciências Econômicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GKBraga.pdf240,91 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.