Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5327
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Caracterização Sismoestratigráfica de um Paleocânion do Eoceno da Bacia de Campos e seu Estilo de Preenchimento Sedimentar
Autor(es)/Inventor(es): Aragão, Fernando Bastos
Orientador: Almeida, Leonardo Fonseca Borghi de
Resumo: O presente trabalho tem como objetivo a caracterização sismoestratigráfica de um paleocânion de idade Eoceno Médio, com direção W-E, localizado na porção sul da bacia de Campos e do seu estilo de preenchimento sedimentar, sendo realizados através da análise de fácies sísmicas, mapas de isópaca e contorno estrutural. Para tal, foram aplicados os conceitos de sismoestratigrafia no cubo sísmico disponível, assim como foram utilizados dois (2) poços para análise sequencial das fácies sedimentartes. Foram mapeados cinco horizontes sismoestratigráficos (H1, H2, H3, H4 e H5), considerados representativos de superfícies erosivas correspondentes a diferentes sequências do preenchimento sedimentar do paleocânion. Através do reconhecimento dos horizontes e da análise das fácies sísmicas foi possível realizar a individualização e a caracterização de quatro sismossequências (I, II, III e IV), que a partir destas, foram elaborados mapas de isópacas referente ao preenchimento de cada uma destas sismossequências, obtendo as distribuições em área e espessura de cada unidade sedimentar. Posteriormente, foram elaborados mapas de contorno estrutural dos cinco horizontes sismoestratigráficos, que proporcionaram uma melhor caracterização da morfologia do paleocânion e das superfícies que delimitam as sismossequências. Com os resultados obtidos, foi possível observar que o paleocânion possui uma morfologia meandrante, obtendo maior sinuosidade na sua porção proximal. Além disto, o paleocânion possui as paredes de seu conduto de forma assimétrica ao longo de sua extensão e encontra-se mais profundo e largo à jusante, onde também possui as maiores espessuras de preenchimento sedimentar. Neste trabalho, algumas hipóteses são discutidas envolvendo possíveis fatores que possam ter sido responsáveis pelas características morfológicas do paleocânion e possam ter influenciado em sua formação e na evolução do seu preenchimento sedimentar.
Palavras-chave: Bacia de Campos
Eoceno
Paleocânion
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Departamento: Instituto de Geociências
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Dez-2011
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5327
Aparece nas coleções:Geologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARAGÃO, F.B.pdf4 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.