Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5469
Tipo: Trabalho de conclusão de especialização
Título: O pescador artesanal no contexto de implantação de grandes empreendimentos costeiros em São João da Barra/RJ: aniquilação anunciada?
Autor(es)/Inventor(es): Prado, Fellipe Silva
Orientador: Mello, Cecília Campello do Amaral
Resumo: Observação e análise de um momento peculiar na história econômica do estado do Rio de Janeiro. Trata-se da retomada de grandes investimentos públicos e privados não experimentados desde a década de 1970. A região Norte-Fluminense é a segunda região na alocação de recursos voltados a grandes obras de engenharia no estado: portos, estradas de rodagens, ferrovias. São João da Barra, um dos nove municípios da região, desde o ano de 2007 foi escolhida como lócus do empreendimento denominado Superporto do Açu, obra com função portuária e industrial pertencendo inicialmente ao Grupo EBX. Tal construção tem desencadeado na região conflitos sociais, ambientais e políticos. Este trabalho pretende entender como as recentes transformações em curso estão se refletindo na atividade de pesca artesanal do município, tendo como questão central norteadora: quais as implicações destes projetos na atividade do pescador artesanal de São João da Barra que possam acentuar possíveis vulnerabilidades sociais ou até mesmo extinguir a atividade no município? Objetiva-se caracterizar a figura do pescador artesanal, mapear a aglomeração continental desses indivíduos, averiguar a possibilidade de disputa por “territórios da pesca” entre os que historicamente exerciam a atividade e os novos atores, além de trazer os principais dilemas e desafios, ainda na ótica dos mesmos, a respeito do transcorrer dos impactos que vêm sofrendo desde o início das obras.
Resumo : Observation and analysis of a peculiar moment in the economic history of the state of Rio de Janeiro. This is the resumption of large public and private investments that have not been tried since the 1970s. The North Fluminense region is the second region in the allocation of funds for major engineering works in the state: ports, taxiways, railroads. São João da Barra, one of the nine municipalities of the region, has been chosen as the locus of the Açu Superport project since 2007, a port and industrial port belonging to the EBX Group. Such construction has triggered social, environmental and political conflicts in the region. This work intends to understand how the recent transformations are being reflected in the fishing activity of the municipality, having as central guiding question: what are the implications of these projects in the activity of artisanal fishermen of São João da Barra that may accentuate possible social vulnerabilities or even even extinguish the activity in the municipality? The objective is to characterize the figure of the artisanal fisherman, to map the continental agglomeration of these individuals, to investigate the possibility of dispute for "fishing territories" between those who historically exercised the activity and the new actors, besides bringing the main dilemmas and challenges, still in their perspective, regarding the continuation of the impacts that have been suffering since the beginning of the works.
Palavras-chave: Pesca artesanal
Aspectos sociais
Atafona (Brasil)
São João da Barra (RJ)
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL::SERVICOS URBANOS E REGIONAIS::ASPECTOS SOCIAIS DO PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL
Programa: Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional
Departamento: Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 8-Ago-2014
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5469
Aparece nas coleções:Política e Planejamento Urbano

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FSPrado-min.pdf1,09 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.