Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5535
Tipo: Trabalho de conclusão de especialização
Título: Assepsia ou renovação urbana: a ameaça de remoção da Vila Autódromo diante dos Jogos Olímpicos de 2016
Autor(es)/Inventor(es): Machado, Fernando de Carvalho
Orientador: Souza, Maria Julieta Nunes de
Resumo: A presente dissertação pretende iniciar uma reflexão sobre o processo de transformação espacial pelo qual passa o bairro da Barra da Tijuca e a favela Vila Autódromo, por conta da realização dos XV Jogos Olímpicos no ano de 2016. As Olimpíadas possibilitam a criação de um pano de fundo para a construção de discursos que justificam determinadas ações urbanas, como a remoção de assentamentos pobres de áreas valorizadas ou de interesse imobiliário, favorecendo determinados grupos sociais em detrimento de outros. Será apontado brevemente o contexto metropolitano do Rio de Janeiro, a formação espacial da Barra da Tijuca e Baixada de Jacarepaguá, assim como a apresentação de políticas de remoção e de urbanização de favelas no século XX. Por último, haverá uma descrição do Projeto Olímpico carioca e a apresentação de estratégias como o marketing urbano e o empresariamento das cidades. Hoje em dias estratégias como estas são consideradas etapas a serem seguidas no processo de inserção das cidades no circuito global, atraindo fluxos financeiros e potenciais consumidores, como forma de sanar os problemas urbanos e as crises financeiras. Como conclusão, a indicação de que a proximidade entre setor público e o setor privado tende a transformar o tecido urbano de forma desigual, como já ocorrera anteriormente em meados do século XX, com o uso de políticas urbanas que favoreceram os interesses econômicos de pequenos grupos de empresários em detrimento da sociedade.
Resumo : The dissertation presented here brings up the reflection about the urban renovation that is taking place in Barra da Tijuca district and Vila Autódromo as Rio de Janeiro appears as the Olympic Games headquarters city in 2016. The Olympic Games allows the creation of an atmosphere where certain speeches are created to justify urban politics such as the removal of slums in rich neighborhoods, or maybe on those that are financially important. Those actions favor certain groups in the city instead of the whole society. Rio de Janeiro’s metropolitan context will be described, as much as the creation of Barra da Tijuca neighborhood and Baixada de Jacarepaguá. The removal politics and slum upgrading politics through the XX century will be mentioned as well. Then, Rio’s Olympic Projetc description and some urban strategies such as urban marketing and entrepreneurialism will be quoted. Nowadays those strategies might be followed for the cities that want to get into the global system and attract cash flow and potential consumers. As a conclusion, the idea that the closer the private sector approaches the public sector, the resulting configuration space is uneven. This approaching happened before and the economic gains were not distributed equally.
Palavras-chave: Empresariamento urbano
Jogos Olímpicos
Remoção de favelas
Vila Autódromo (RJ)
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Programa: Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional
Departamento: Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 30-Mar-2012
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5535
Aparece nas coleções:Política e Planejamento Urbano

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FCMachado-min.pdf457,74 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.