Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5924
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Caracterização sedimentológica dos cordões arenosos holocênicos da planície costeira do delta do rio Paraíba do Sul
Autor(es)/Inventor(es): Faria, Marcelo Reitor de Castro
Orientador: Almeida, Leonardo Fonseca Borghi de
Coorientador: Carelli, Thiago Gonçalves
Resumo: Localizado na região norte do estado do Rio de Janeiro, o delta do rio Paraíba do Sul têm sido alvo de estudos que procuram entender melhor sua evolução. Alguns autores mostram divergência em relação à sua classificação como um típico delta dominado por ondas, questionando, entre outros motivos, se as correntes de deriva litorânea têm um importante papel na sedimentação e evolução da parte sul, enquanto a sedimentação na parte norte seria mais influenciada pelo rio. O presente trabalho mostra, por meio da análise sedimentológica (granulometria e graus de arredondamento e esfericidade) de areias coletadas dos cordões arenosos holocênicos deste delta, que características morfoscópicas e granulométricas dos sedimentos fornecem base para apontar tanto a deriva litorânea quanto o rio Paraíba do Sul como principais agentes de transporte e deposição em diferentes porções do delta. Os resultados obtidos indicam que esses agentes de transporte influenciam diferentes regiões da planície deltaica com intensidades distintas. Além disso, também é possível concluir que tais variações possuem uma forte relação com a localização em relação à desembocadura principal do rio. Amostras coletadas nos cordões ao norte do rio Paraíba do Sul apresentam predomínio de areias com baixos graus de arredondamento além de grande dispersão nos parâmetros granulométricos, indicando grande quantidade de sedimentos de origem fluvial. Areias coletadas ao sul e adjacentes à desembocadura do rio mostraram tanto areias predominantemente marinhas quanto fluviais. Já as amostras localizadas próximas à Lagoa Salgada, ao sul do rio Paraíba do Sul, apresentaram indícios de contribuição exclusiva da deriva litorânea, com parâmetros granulométricos constantes ao longo da amostragem. Com isso, conclui-se que a deriva litorânea desempenhou um papel fundamental na evolução desse delta que, portanto, não se configura como um clássico delta dominado por ondas.
Palavras-chave: Delta
Delta do rio Paraíba do Sul
Planície de cordões arenosos
Holoceno
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Departamento: Instituto de Geociências
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Ago-2016
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5924
Aparece nas coleções:Geologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FARIA, M.R.C.pdf2,65 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.