Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/5977
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorRamos, Renato Rodriguez Cabral-
dc.contributor.authorSantarém, Natan Soares-
dc.date.accessioned2018-12-12T15:25:21Z-
dc.date.available2018-12-14T02:00:24Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/5977-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectSedimentologiapt_BR
dc.subjectLitoestratigrafiapt_BR
dc.subjectSistemas Aluviaispt_BR
dc.titleMapeamento geológico e caracterização de associações de fácies com base em levantamentos de campo e modelos digitais de elevação de porção oeste da Bacia de Resende, RJpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/4557680514419881pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/8127275010421158pt_BR
dc.contributor.advisorCo1Negrão, André Pires-
dc.contributor.advisorCo1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3591878978683550pt_BR
dc.contributor.referee1Sampaio, Adriano Célio Magalhães-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7736132586764773pt_BR
dc.contributor.referee2Brêda, Thaís Coelho-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/5801279909711553pt_BR
dc.description.resumoO presente trabalho tem como principal objetivo o mapeamento geológico, reconhecendo as litologias presentes, na escala de 1: 25.000, da região dos municípios de Resende, Penedo e Itatiaia. A bacia de Resende tem sua evolução ligada ao desenvolvimento do Rifte Continental do Sudeste Brasileiro (RCSB), junto com as bacias de Volta Redonda, São Paulo e Taubaté, e está sobre o segmento central da Faixa Ribeira. Para isso, foram realizados levantamentos cartográficos, perfis faciológicos, associação de fácies, além da utilização de modelos digitais de elevação (MDE), modelos essências para a melhor delimitação dos polígonos das unidades mapeadas. Como resultado, foram estabelecidas cinco associações de fácies, que foram agrupadas em diferentes unidades de mapeamento. Na porção Oeste, foram reconhecidos depósitos de leques aluviais que tem sua gênese relacionada ao maciço alcalino do Itatiaia. Estes depósitos foram divididos em duas unidades (Proximal e Mediana a Distal), sendo a primeira unidade com domínio de camadas rudíticas e a segunda unidade com predomínio de fácies areníticas e pelíticas. Na borda norte, na parte central dá área de estudo, também foram descritos depósitos de leque aluvial, depósitos gerado por fluxos gravitacionais associados a falha que ocorre a alguns metros acima. Estes leques foram aqui considerado como parte da Formação Resende, nomenclatura usada também para a associação de fácies conglomeráticas, areníticas e pelíticas depositados em um rio entrelaçado. Esta associação de fácies ocorre a sul do Rio Paraíba do Sul e também a norte, na porção central e a na borda leste. Na área do campo de instrução da AMAN predominam os depósitos da Formação Floriano, sendo possível observar uma relação de contato entre a Fm. Floriano e a Fm. Resende. Pode-se observar também um dique de basanito, discordante do embasamento gnáissico.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Geociênciaspt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SANTARÉM, N.S.pdf9.78 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.