Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/6462
Tipo: Tese
Título: Desverticalização das cadeias produtivas no setor de produção de biomedicamentos e a utilização das empresas CMOs (Contract Manufacturing Organization)
Autor(es)/Inventor(es): Silva, Felipe Rodrigues da
Orientador: Caulliraux, Heitor Mansur
Resumo: A decisão entre fazer internamente ou desverticalizar uma atividade é considerada estratégica para uma organização. A proposta deste trabalho consistiu em estudar o panorama atual do setor de biomedicamentos, buscando entender como, por que, aonde e de que forma as organizações da área estão optando por desverticalizar suas atividades produtivas. Considerando a recente tendência ao movimento, diversas empresas (chamadas CMOs) estão se especializando na prestação de serviços de produção. A pesquisa utilizou como principais fontes de informações o levantamento literário e as percepções obtidas com especialistas entrevistados em campo. Confirmou-se a ocorrência do movimento em empresas do ramo, influenciada principalmente por questões como redução de custos, foco nas atividades principais, ganho de flexibilidade operacional e estabelecimento de estratégias de longo prazo. Os processos de scale-up e produção dos lotes para ensaios clínicos de fase III foram apontados como os mais frequentemente desverticalizados, seguidos de perto pelas etapas de processamento final e, por fim, as complexas atividades para fabricação de uma IFA (terceirizadas somente em ocasiões pontuais). O estudo demonstrou a necessidade de processos robustos para seleção de empresas CMOs e enfatizou a importância da transparência nos contratos de prestação de serviços. Avaliou ainda a interferência de circunstâncias relacionadas à complexidade de processos biológicos, porte das empresas, localização geográfica e a influência de questões de propriedade intelectual. O trabalho apresenta também um sucinto levantamento das principais empresas CMOs que prestam serviços na área. Por fim, conclui-se que os processos decisórios para desverticalizar atividades produtivas em empresas de biomedicamentos devem ser avaliados cuidadosamente e dependem de uma análise em conjunto das circunstâncias abordadas por esse estudo.
Resumo : The decision between doing internally or outsource an activity is considered strategic to an organization. The purpose of this work was to study the current situation of the biopharmaceutical industry, seeking to understand how, why and where the organizations of the area are choosing to outsource their production activities. Considering a recent tendency to the movement, several companies (called CMOs) are specializing in providing production services. The research used as main sources of information literary references and insights obtained from interviewed experts in the area. The occurrence of the movement was confirmed in biopharmaceutical companies, mainly influenced by issues of cost, focus in core activities, operational flexibility and long-term strategies. The steps of scale up/ batches production for phase III clinical trials were identified as the most frequently outsourced, followed closely by the final processing and, finally, the complex activities for API manufacturing. The study demonstrated the need of robust systematic processes for the selection of CMOs companies and emphasized the importance of transparency in outsourcing contracts. It also evaluates the interference of circumstances related to the complexity of biological processes, company size, geographic location and the influence of intellectual property issues. At the end, there is a brief survey of the main CMOs companies providing services in this area around the world. It was possible to conclude that the decision to outsource productive activities in biopharmaceutical companies should be carefully evaluated and depends on the analysis of all the circumstances addressed in this work.
Palavras-chave: Terceirização
Contract Manufacturing Organization
Biomedicamentos
Assunto CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA DE PRODUCAO::GERENCIA DE PRODUCAO
Programa: Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção
Departamento: Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Set-2016
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/6462
Aparece nas coleções:Engenharia de Produção

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
868690.pdf4,39 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.