Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/7636
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorKleiman, Mauro-
dc.contributor.authorMenzer, José Said-
dc.date.accessioned2019-05-02T13:43:32Z-
dc.date.available2019-05-04T03:00:11Z-
dc.date.issued2008-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/7636-
dc.description.abstractThe practice of preparing the land and building a house without the assistance of engineers and architects, adopted in the city of Juiz de Fora by family groups of different social extracts, combined with the difficulties that the relief imposes on the occupation, generates a large number of occurrences involving situations of risk and low quality in the living spaces. The City Statute, in force since 2001, has provided free technical and legal assistance to disadvantaged communities and social groups as one of the instruments to ensure the distribution of the benefits arising from the urbanization process. This study aims to analyze the factors that make it difficult to approach those professionals with city dwellers, especially those in the middle and lower income brackets.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectHabitação popularpt_BR
dc.subjectEngenhariapt_BR
dc.subjectPolítica Urbanapt_BR
dc.subjectJuiz de Fora (MG)pt_BR
dc.subjectEstatuto da Cidadept_BR
dc.titleAmpliação do acesso à assistência técnica em Juiz de Fora como instrumento de atenuação do risco de morarpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de especializaçãopt_BR
dc.description.resumoA prática de preparar o terreno e edificar casas sem recorrer ao auxílio de engenheiros e arquitetos adotada na cidade de Juiz de Fora por grupos familiares de diversos extratos sociais, combinada com as dificuldades que o relevo impõe à ocupação, gera um grande número de ocorrências envolvendo situações de risco e baixa qualidade nos espaços de moradia. O Estatuto da Cidade, em vigor desde 2001, estabeleceu a oferta de assistência técnica e jurídica gratuita para as comunidades e grupos sociais menos favorecidos, como um dos instrumentos destinados a garantir a distribuição dos benefícios decorrentes do processo de urbanização. O trabalho pretende analisar os fatores que dificultam a aproximação desses profissionais com moradores da cidade, especialmente os inseridos nas faixas de renda média e baixa.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regionalpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regionalpt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL::SERVIÇOS URBANOS E REGIONAIS::ESTUDOS DA HABITAÇÃOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Política e Planejamento Urbano

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JSMenzer-min.pdf8,37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.