Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/7897
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMiranda, Paulo Emílio Valadão de-
dc.contributor.authorSarruf, Bernardo Jordão Moreira-
dc.date.accessioned2019-05-13T13:28:58Z-
dc.date.available2019-05-15T03:00:25Z-
dc.date.issued2010-11-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/7897-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectPaCOSpt_BR
dc.subjectenergiapt_BR
dc.titleReconstrução 3D de catodo e modelagem matemática do desempenho eletroquímico de uma pilha a combustível de óxido sólidopt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorCo1Venâncio, Selma Aparecida-
dc.contributor.referee1Pontes, José da Rocha Miranda-
dc.description.resumoNos dias de hoje, em face aos problemas do aquecimento global, busca-se cada vez mais o desenvolvimento de técnicas de produção de energia limpa. As chamadas fontes alternativas de energia, em plena evolução, englobam energia eólica, solar,geotérmica, maré motriz, pilhas a combustível, entre outras. Pilhas a combustível de óxido sólido (PaCOS) têm se apresentado como dispositivos muito promissores na produção eficiente de energia limpa. As PaCOS são dispositivos que a altas temperaturas e na presença de um gás combustível e um gás oxidante, transforma energia química em energia elétrica e calor. O oxigênio é reduzido no catodo e os íonsO2−difundem-se pelo eletrólito denso. Os íons de oxigênio reagem com o combustível (nesse caso hidrogênio) nos sítios reativos do anodo gerando água e carga elétrica.Propôs-se neste trabalho, o desenvolvimento de técnicas de medição de parâmetros geométricos microestruturais como porosidade e tortuosidade, através da reconstrução 3D por feixe de íons focalizados. Foi utilizada a imagem das camadas de um catodo de Manganita de Lantânio dopada com Estrôncio, tradicionalmente usado em PaCOS, que foi reconstruído de formal digital pela SIM Consultoria.A reconstrução possibilitou a medição das variáveis desejadas, que foram posteriormente usadas para criação de um modelo que descrevesse o comportamento dos sobrepotenciais associados à utilização do dispositivo. Foi estudada a variabilidade desses sobre potenciais em relação à temperatura, pressão e espessura de eletrólito e eletrodos, assim como a comparação entre o modelo e valores experimentais medidos no laboratório de hidrogênio. Foi construída uma interface em C# para possibilitara variação dos parâmetros de forma mais dinâmica. A curva experimental seguiu a tendência do modelo, porém, seria necessário que fosse efetuada a reconstrução do material do próprio laboratório de hidrogênio, para que pudessem ser traçadas curvas de projeto desses dispositivos.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola Politécnicapt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIASpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Engenharia de Materiais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
monopoli10003392.pdf3.57 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.