Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/8464
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSecchi, Argimiro Resende-
dc.contributor.authorSimões Neto, Saul-
dc.date.accessioned2019-06-13T17:35:25Z-
dc.date.available2019-06-15T03:00:21Z-
dc.date.issued2017-03-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/8464-
dc.description.abstractIn this work a nonlinear model predictive controller (NMPC) applied to an offshore petroleum production facility is presented. The facility was simulated using Hysys dynamic simulation, and the used NMPC controller with phenomenological mathematical model was the BRNMPC. Some comparisons were conducted regarding the use of NMPC, linear MPC and traditional PID controllers. The results showed that for level control of the separator vessels, the MPC and NMPC have similar performance, but for pressure vessel control, the NMPC are superior because the system has more nonlinearities and many information were lost in the linearization process.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectEngenharia químicapt_BR
dc.subjectControle preditivopt_BR
dc.subjectUnidade offshorept_BR
dc.titleAplicação de controlador NMPC em uma unidade offshore de produção de óleo e gáspt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/0185227355541976pt_BR
dc.contributor.referee1Melo Junior, Príamo Albuquerque-
dc.contributor.referee2Campos, Mario Cesar Mello Massa de-
dc.description.resumoNeste trabalho é apresentada a aplicação de controlador preditivo não linear (NMPC) em uma unidade de produção de petróleo offshore. A unidade de produção foi reproduzida através de simulação dinâmica em Hysys e o controlador utilizado foi o BRNMPC, com uso de modelo matemático fenomenológico. Foram realizadas comparações entre o controlador NMPC, controlador MPC linear e controlador PID tradicional. Os resultados demonstraram que o controle de nível dos vasos separadores com o uso de modelos lineares e não-lineares mostram-se semelhantes. Já para o controle de pressão dos vasos, por ser um processo com maior não linearidade, o controle MPC apresentou desvantagens em relação ao NMPC, principalmente devido à perda na qualidade do modelo no processo de linearização.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenhariapt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Químicapt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA QUIMICApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
879486.pdf3,55 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.