Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/1053
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: A Influência das religiões cristãs nos hábitos de leitura
Autor(es)/Inventor(es): Santos, Juliana Rodrigues dos
Orientador: Carvalho, Frederico Antonio Azevedo de
Resumo: A influência que as religiões exercem sobre a cultura e os hábitos de vida de seus fiéis é inegável; por este motivo, é que o presente trabalho tem por objetivo o estudo das religiões cristãs com maior número de adeptos no Brasil atualmente – evangélicas e católicas – e como estas podem influenciar os hábitos de leitura de seus fiéis. O estudo parte da hipótese de que existe uma diferença entre as religiões evangélicas e católicas quanto à influência no hábito da leitura, diferença que vem desde a Reforma Protestante, no século XVI, devido à defesa, por parte das religiões ditas protestantes – atualmente chamadas evangélicas –, da livre interpretação dos escritos religiosos. Foi realizada uma breve revisão de literatura para averiguar o que já foi escrito sobre a relação entre religiões e leitura, além de uma revisão histórica com objetivo de compreender a Reforma Cristã mencionada. Foi elaborado um questionário, a ser aplicado pelo autor, com amostras iguais de fiéis das igrejas citadas, divididos em três grupos: católicos, evangélicos tradicionais e evangélicos pentecostais. As amostras foram selecionadas por conveniência de acesso. Pretende-se estudar se a diferença histórica que influenciou o rompimento entre as igrejas no passado ainda é observada atualmente. Os dados foram, em seguida analisados, utilizando-se o método qui-quadrado, para determinar se existe associação evidente entre as respostas. A partir desta análise foi possível perceber associações relevantes entre a religião do respondente e sua frequência de leitura da Bíblia, e entre a religião do mesmo e sua participação em rodas de leitura e discussão na Igreja. Pelas respostas obtidas foi possível concluir então que de fato existe, ainda hoje, uma diferença entre as igrejas católicas e evangélicas no que diz respeito à leitura de textos religiosos por seus fiéis, confirmando a hipótese inicialmente proposta, porém essa diferença não é observada com relação a materiais não religiosos, o índice de leitura de textos laicos em seus diversos suportes foi alto para todos os grupos analisados.
Palavras-chave: Religião
Cristãos
Interesses na Leitura
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO::BIBLIOTECONOMIA
Departamento: Faculdade de Administração e Ciências Contábeis
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 22-Nov-2013
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/1053
Aparece nas coleções:Biblioteconomia e Gestão de Unidades de Informação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Influênci...pdf608,75 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.