Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/1226
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: O poder da palavra impressa: sua difusão e seu controle
Autor(es)/Inventor(es): Araújo, Joana Lopes
Orientador: Oliveira, Antonio J.B.
Resumo: O poder da palavra sempre acompanhou a história do homem. Sua necessidade de comunicação estava principalmente ligada a sua sobrevivência, a representação e compreensão de seu mundo e sua necessidade de se eternizar. A evolução da escrita e o desenvolvimento da imprensa não alteraram tais objetivos, apenas os reformularam. A história do mundo e os eventos que a acompanham mostram que a palavra escrita se tornou um instrumento de poder, uma ferramenta de “destribalização”, e a fonte da eternidade em uma guerra de conhecimento e influência. A invenção da impressa foi um marco para entre um mundo oral e acústico e um mundo de visão e explicitação, mas a invenção de Gutemberg teve efeitos mais profundos do que extinguir os copistas e escribas criando técnicas de rápida repetibilidade. Gutenberg desenvolveu mais do que uma técnica de impressão, ele inventou um meio de transmissão de informação, conhecimento e ideais que nunca mais perdeu seu valor e autoridade. E dessa maneira usada com objetivos justos ou não, a linguagem impressa se tornou uma poderosa arma de liberdade e controle. O presente trabalho pretende apresentar um histórico sobre a Imprensa e seu impacto na sociedade destacando sua utilização em momentos históricos como a Reforma Religiosa e o Nazismo com o objetivo de destacar a influência da linguagem impressa nestes fenômenos sociais e como foi utilizada na busca do conhecimento por tais sociedades. Momentos esses em que foi símbolo de profundas mudanças que trazem para a atualidade a compreensão da dependência do homem à linguagem impressa. Dessa maneira pretende-se fundamentar a importância da comunicação impressa em relação à busca pelo conhecimento, pela visão de mundo e transformações na sociedade que a mesma pode exercer ao agir como agente mediador, difusor e gerador de ideias e pensamentos.
Palavras-chave: História da Imprensa
Difusão do Livro
Acesso à Informação
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO::BIBLIOTECONOMIA
Departamento: Faculdade de Administração e Ciências Contábeis
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 11-Ago-2010
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/1226
Aparece nas coleções:Biblioteconomia e Gestão de Unidades de Informação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC - joana.pdf263,23 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.