Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/1281
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: A gestão da demanda efetiva pelo Estado : déficit público e desigualdade
Autor(es)/Inventor(es): Rawet, Eduardo Lederman
Orientador: Gentil, Denise Lobato
Resumo: Demonstra a existência de uma abordagem heterodoxa acerca do déficit público. Para tal, foram utilizados como referenciais três grandes pensadores heterodoxos: Michael Kalecki, John Maynard Keynes e Piero Sraffa. Dessa forma, apresentou-se em linhas gerais o modelo desenvolvido por cada um dos autores, assim como o impacto que o déficit público tem no crescimento, no nível de emprego e na desigualdade. Além disso, para o primeiro autor, este trabalho disserta sobre a questão da dificuldade política do pleno emprego, para o segundo sobre os objetivos do déficit e, para o terceiro sobre a dinâmica de crescimento da relação dívida/produto. Conclui-se que o uso da abordagem heterodoxa, utilizando-se pensadores críticos a Lei de Say, é uma possibilidade alternativa na formulação de políticas públicas. Assim, se entenderá que por um prisma heterodoxo, que o déficit público é positivo para as taxas de crescimento, assim como para o nível de emprego. Quanto à redução desigualdade, o déficit público é positivo para os dois primeiros autores.
Palavras-chave: Déficit público
Lei de Say
Desigualdade social
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
Departamento: Instituto de Economia
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Dez-2015
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/1281
Aparece nas coleções:Ciências Econômicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ELRawet.pdf704,23 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.