Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/1384
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Imprensa feminina e construção de identidade: a representação da mulher no século XXI
Autor(es)/Inventor(es): Oliveira, Tatiana Maynarde
Orientador: Ribeiro, Ana Paula Goulart
Resumo: Análise da imprensa feminina no seu duplo papel de reflexo da esfera social e construtora de diferentes papéis relegados à mulher ao longo do tempo. Pautada no estudo empreendido por Dulcília Schroeder Buitoni acerca desse importante fenômeno cultural, é estabelecida uma breve conceituação do termo imprensa feminina, delimitam-se as bases de sua origem no Brasil e as determinantes para o seu desenvolvimento no país, assim como as características gerais das publicações dirigidas às mulheres. Através da comparação entre as revistas, Viva Mais!, de cunho popular, e Marie Claire, mais elitista, publicadas de janeiro a março de 2005, este trabalho busca, por fim, perceber como a imprensa feminina constrói e espelha múltiplas imagens de mulher no século XXI.
Palavras-chave: Imprensa feminina
Mulheres
Identidade
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::JORNALISMO E EDITORACAO::TEORIA E ETICA DO JORNALISMO
Departamento: Escola de Comunicação
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 6-Jul-2005
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Citação: OLIVEIRA, Tatiana Maynarde. Imprensa feminina e construção de identidade: A representação da mulher no século XXI. 2005. 65 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Jornalismo) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2005.
URI: http://hdl.handle.net/11422/1384
Aparece nas coleções:Comunicação - Jornalismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TOLIVEIRA.pdf369,58 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.