Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/1906
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Os mecanismos de transmissão da política monetária: uma resenha
Autor(es)/Inventor(es): Suprani, Rodrigo Otávio de Faria
Orientador: Licha, Antonio Luis
Resumo: Resenha sobre o tema dos mecanismos de transmissão da política monetária, com algumas considerações adicionais relativas ao seu funcionamento prático no grupo de países emergentes. Para tanto, são apresentados os principais instrumentos à disposição dos bancos centrais e os canais pelos quais se propagam os efeitos de suas decisões monetárias, além de se avaliar quais canais têm sido mais ou menos importantes para os países emergentes. Esses canais, que a teoria inicialmente limitava às taxas de juros, foram se multiplicando ao longo do tempo, com contribuições de diferentes vertentes das ciências econômicas, o que originou diversos mecanismos interdependentes. Embora os economistas não estejam de acordo sobre como a política monetária afeta a economia, devido justamente à complexidade que emerge do tema, a centralidade crescente da política monetária vem exigindo estudos teóricos e empíricos que ampliem o conhecimento dos economistas acerca desses mecanismos de transmissão. Este trabalho, em forma de resenha, pode servir como um ponto de partida, ao apresentar o tema de forma geral e concisa.
Palavras-chave: Mecanismos de transmissão
Política monetária
Países emergentes
Mercados de habitação
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
Departamento: Instituto de Economia
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Jul-2012
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/1906
Aparece nas coleções:Ciências Econômicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RSuprani.pdf287,83 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.