Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/2619
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Jornais gratuitos: um estudo de caso no Rio de Janeiro e em Paris
Autor(es)/Inventor(es): Ferreira, Mariana Brugger
Orientador: Luz, Cristina Rego Monteiro da
Resumo: Analisa uma modalidade de jornalismo impresso que surge no momento em que a Internet é vista como arauto do fim dos jornais diários: o jornal gratuito. Como estudos de caso, são analisados jornais gratuitos produzidos no Rio de Janeiro e em Paris. Para compreender melhor este fenômeno internacional, foram entrevistados editores adjuntos de publicações gratuitas francesas (Métro e 20 Minutes) e brasileiras (Destak, PubliMetro e Metro Magazine). Este trabalho é uma investigação a respeito dos conceitos que justificam este modelo de negócio midiático e a credibilidade destas publicações. O estudo procura também identificar as tendências do jornalismo impresso (pago ou gratuito) com o desenvolvimento da internet e de tecnologias como os smartphones, que possibilitam o acesso de sites de informação de qualquer lugar.
Palavras-chave: Jornais
Jornalismo impresso
Internet
Marketing
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::JORNALISMO E EDITORACAO
Departamento: Escola de Comunicação
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 8-Dez-2010
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Citação: FERREIRA, Mariana Brugger. Jornais gratuitos: um estudo de caso no Rio de Janeiro e em Paris. 2010. 110f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Jornalismo) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2010.
URI: http://hdl.handle.net/11422/2619
Aparece nas coleções:Comunicação - Jornalismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MFerreira.pdf1,28 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.