Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/4062
Tipo: Dissertação
Título: Ecologia alimentar de morcegos insetívoros de área urbana do município do Rio de Janeiro, RJ (Mammalia: Chiroptera)
Autor(es)/Inventor(es): Santos , Reinaldo Souza dos
Orientador: Costa , Anna Timotheo da
Resumo: A ecologia alimentar de morcegos insetívoros de área urbana do município do Rio de Janeiro RJ foi estudada durante o período de novembro de 1991 a julho de 1993. Três espécies foram capturadas em maior número, Myotis nigricans (Schinz, 1821 ), Eptesicus brasiliensis (Desmarest, 1819) e Molossus molossus (Palias, 1766), e em menor número as espécies Tadarida brasiliensis (Geoffroy, 1824) e Lasiurus cinereus (Beauvois, 1796). Foi constatado que M. nigricans e M. molossus possuíam peso superior aos daqueles da mesma espécie que habitam regiões rurais e/ou silvestres. A identificação dos fragmentos de insetos encontrados nas fezes destes Chiroptera mostrou que a espécie M. nigricans alimentou-se principalmente de insetos da ordem Lepidoptera. E. brasiliensis e M. molossus se alimentaram principalmente de insetos de três ordens (Lepidoptera, Coleoptera e Hymenoptera), em percentuais semelhantes. T. brasiliensis consumiu, principalmente, insetos da ordem Lepidoptera, e L. cinereus alimentou-se apenas de Lepidoptera. Verificou-se ainda que M. molossus predou insetos que estavam em maior abundância e de fácil localização e captura, como formigas no período reprodutivo. Constatou-se que os padrões alimentares, das espécies coletadas em maior número, foram os mesmos em todos os pontos de coleta. Apesar de as três espécies de Chiroptera estudadas habitarem o mesmo ambiente e terem pico de atividade dentro do mesmo intervalo de hora, os dados sugerem que não há competição pelos mesmos recursos alimentares, uma vez que provavelmente se alimentam de insetos de tamanhos diferentes ou que voam em alturas diferentes.
Resumo : This dissertation reports on the feeding ecology of insectivorous bats from urban areas of county of Rio de Janeiro, state of Rio de Janeiro, Brazil. The study was carried out between November of 1991 and July of 1993. The most frequently captured species were the following: Myotis nigricans (Schinz, 1821 ), Eptesicus brasiliensis (Desmarest, 1819) and Molossus molossus (Pallas, 1766); Tadarida brasiliensis (Geoffroy, 1824) and Lasiurus cinereus (Beauvois, 1796) were captured less frequently. It was verified that specimens of M. nigricans and M. molossus captured in urban areas weighted more than those captured in rural and/or wild preserved areas. ldentification of fragments of insects in fecal samples showed that M. nigricans feeds mainly on Lepidoptera. E. brasiliensis and M. molossus are more diversified in their diet, insetcs of three orders (Lepidoptera, Coleoptera and Hymenoptera) were identified in comparable proportions. The results also show T. brasiliensis feeds mainly on Lepidoptera and L. cinereus on Lepidoptera only. M. molossus feeds on insects that are more abundant, and thus more easily located and captured, at a given point in time (e.g., ants in reprodutive period). The results do no point to geographical variation in feeding practices. Notwithstanding, the feeding ecology of the bats investigated in this dissertation is closely associated with sazonal change in precipitation. The major conclusion is that, despite living in the same environment and presenting peaks of activity roughly at the same time, this data suggest the species of Chiroptera do not compete for food resources. A possible explanation is that they feed on insects of different sizes which may also fly at different altitudes.
Palavras-chave: Chiroptera
Morcegos Insetívoros
Hábitos alimentares
Rio de Janeiro (RJ)
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
Programa: Pós-Graduação em Zoologia
Departamento: Museu Nacional
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 1995
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/4062
Aparece nas coleções:Zoologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
278418.pdf3,64 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.