Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/772
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Endomarketing como ferramenta estratégica em tempo de crise: estudo de caso da Oi
Autor(es)/Inventor(es): Zappa, Juliana Albuquerque
Orientador: Barros, Sebastião Amoêdo de
Resumo: Analisa a importância da criação de um painel de idéias como ação alternativa de endomarketing promovida pela empresa de telecomunicações Oi como ferramenta estratégica para a superação da crise econômica consequente do grande dispêndio para a aquisição da Brasil Telecom (Brt). Neste projeto, as características especiais do marketing de serviços juntamente com estudos de gestão do conhecimento são relacionadas à importância da utilização criativa do endomarketing em situações de crise. Para avaliar os possíveis benefícios do uso dessas estratégias, a metodologia desse estudo de caso inclui revisão de literatura, observação participante, levantamento de documentos e material da empresa, além de entrevistas com profissionais que atuam na Oi.
Palavras-chave: Marketing
Comunicação organizacional
Endomarketing
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::RELACOES PUBLICAS E PROPAGANDA
Departamento: Escola de Comunicação
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: 18-Jul-2010
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Citação: ZAPPA, Juliana Albuquerque. Endomarketing como ferramenta estratégica em tempo de crise: estudo de caso da Oi. 2010. 59 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Publicidade e Propaganda) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2010.
URI: http://hdl.handle.net/11422/772
Aparece nas coleções:Comunicação - Publicidade

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JZappa.pdf1,52 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.