Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/10459
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSeta, Cristina Gomes Campos de-
dc.contributor.authorAlmeida, Ana Carolina dos Santos-
dc.date.accessioned2019-11-18T15:01:25Z-
dc.date.available2019-11-20T03:00:11Z-
dc.date.issued2017-07-
dc.identifier.citationALMEIDA, Ana Carolina dos Santos. Reflexões contemporâneas sobre o abandono afetivo paterno-filial e o abandono afetivo inverso. 2017. 74 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Direito) - Faculdade Nacional de Direito, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/10459-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectAbandono afetivopt_BR
dc.subjectAbandono afetivo inversopt_BR
dc.subjectIdosopt_BR
dc.subjectCriançapt_BR
dc.subjectAdolescentept_BR
dc.subjectResponsabilidade civilpt_BR
dc.subjectEmotional distancept_BR
dc.subjectReverse emotional distancept_BR
dc.subjectElderlypt_BR
dc.subjectChildpt_BR
dc.subjectTeenagerpt_BR
dc.subjectLiabilitypt_BR
dc.titleReflexões contemporâneas sobre o abandono afetivo paterno-filial e o abandono afetivo inversopt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7677200018957982pt_BR
dc.description.resumoO presente trabalho tem como objetivo, a partir da análise doutrinária e jurisprudencial mostrar a evolução do direito das famílias principalmente no que tange a possibilidade de cabimento de indenização aos pais idosos, no caso do abandono afetivo inverso, que é um dos temais mais atuais em sede de direito familiar e dos filhos, no caso do abandono afetivo paterno-filial pelo fato de terem sido atingidos pelo descumprimento dos deveres familiares previstos nos artigos 227 e 229 da Constituição Federal de 1988 e nos demais diplomas legislativos. Ao longo do estudo é possível perceber o protagonismo do afeto nas relações familiares, afeto este derivado não apenas do princípio da afetividade, mas principalmente do princípio da dignidade da pessoa humana que é verdadeira base constitucional. A partir do estudo da evolução histórico-constitucional das famílias e da filiação no direito tupiniquim, concomitantemente com avaliação dos princípios do direito de famílias e principalmente dos pressupostos da responsabilidade civil e o dano moral indenizável buscou-se verificar de que maneira vêm sendo tratados os casos de abandono afetivo dos filhos pelos pais e dos pais idosos pelos filhos diante da possibilidade de tais abandonos causarem danos irreversíveis à vida desses indivíduos que já vivem uma situação mais vulnerável.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade Nacional de Direitopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::DIREITO::DIREITO PRIVADO::DIREITO CIVILpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ACSAlmeida.pdf416,92 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.