Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/10946
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBraz, Marcelo-
dc.contributor.authorMiéres, Mariana Gomes-
dc.date.accessioned2019-12-30T12:23:21Z-
dc.date.available2023-10-04T03:02:21Z-
dc.date.issued2015-
dc.identifier.citationMIÉRES, Mariana Gomes. Capitalismo monopolista, serviço social e sincretismo: a estrutura sincrética da prática profissional na assistência social. 2015. 86 f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Serviço Social) - Escola de Serviço Social, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2015.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/10946-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectCapitalismopt_BR
dc.subjectAssistência socialpt_BR
dc.subjectPrática profissionalpt_BR
dc.titleCapitalismo monopolista, serviço social e sincretismo: a estrutura sincrética da prática profissional na assistência socialpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7456350323134000pt_BR
dc.description.resumoEstudo acerca da estrutura sincrética do Serviço Social no terreno de sua prática profissional na área da assistência social e que se traduz na inespecificidade profissional, a partir da discussão a respeito da prática indiferenciada e da manipulação de variáveis empíricas. Partimos do pressuposto de que a dinâmica do capitalismo monopolista, em sua fase atual, bem como o papel do Estado e suas características a partir da ofensiva neoliberal, interferem diretamente para reiterar/reafirmar, atualizando e intensificando esse sincretismo, uma vez que tal estrutura sincrética já se coloca desde a gênese da profissão sob o capitalismo monopolista. Somando-se o cotidiano, enquanto horizonte do exercício profissional; a “questão social” enquanto eixo de demandas histórico-sociais do Serviço Social e, a manipulação de variáveis empíricas enquanto sua forma operativa, temos o cenário que põe os fundamentos da estrutura sincrética da prática profissional. O presente trabalho constitui, portanto, um primeiro passo no sentido de tentar desvendar como tem se apresentado o sincretismo da prática do Serviço Social na atualidade, mais especificamente na área da assistência social.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Serviço Socialpt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL::FUNDAMENTOS DO SERVICO SOCIALpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MGMiéres.pdf681.43 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.