Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/1327
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorNolasco, Sócrates Alvares-
dc.contributor.authorLopes, Camila Patrocínio-
dc.date.accessioned2017-01-30T18:10:28Z-
dc.date.available2017-02-01T03:00:14Z-
dc.date.issued2016-07-26-
dc.identifier.citationLOPES, Camila Patrocínio. Representação das idenditades lésbicas na telenovela brasileira: uma análise discursiva de Babilônia e Em Família. 2016. 67 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Publicidade e Propaganda) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2016.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/1327-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectTelenovelapt_BR
dc.subjectAspecto Socialpt_BR
dc.subjectHomossexualidadept_BR
dc.titleRepresentação das idenditades lésbicas na telenovela brasileira: uma análise discursiva de Babilônia e Em Famíliapt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7806093153450971pt_BR
dc.contributor.referee1Gerheim, Fernando Souza-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6249323629229812pt_BR
dc.contributor.referee2Antoun, Henrique-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/2895734067067136pt_BR
dc.description.resumoAnalisa as diferenças e semelhanças entre o discurso sobre a homossexualidade feminina presente no imaginários popular e aquele reproduzido na mídia de massa brasileira. Os objetos do estudo são as telenovelas Em Família, de 2014, e Babilônia, de 2015, ambas populares e recentes telenovelas brasileiras veiculadas no horário nobre da Rede Globo. Através dos estudos sobre mediações de Jesus Martin-Barbero, o primeiro capítulo faz um panorama da linguagem do melodrama do teatro popular à televisão e das personagens lésbicas nas produções teledramatúrgicas. Com base na teoria Queer, o segundo capítulo consiste em uma análise de alguns dos principais discursos que interagem com o da homossexualidade feminina, montando assim um quadro geral sobre o movimento LGBT no Brasil e os discursos sobre gênero e sexo. Já a última parte da dissertação bisca explorar os encontros das figuras recorrentes nos discursos da homossexualidade feminina e do melodrama e suas relações com as figuras e os discursos sobre o mesmo tema apresentados nas telenovelas. A pesquisa teórica em diálogo com uma análise de conteúdo das obras selecionadas concluiu que, dentro da lógica da teoria Queer, as quatro personagens analisadas pouco desafiam, à seus próprios modos, figuras menores presentes no discurso normativo da homossexualidade feminina, abordando temas pertinentes para a desconstrução do imaginário coletivo sobre a homossexualidade feminina.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Comunicaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::RELACOES PUBLICAS E PROPAGANDApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Aparece nas coleções:Comunicação - Publicidade

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CLopes.pdf950,79 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.