Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/14659
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorFernández, Silvina Julia-
dc.contributor.authorFonseca, Lucas Soares Oliveira da-
dc.date.accessioned2021-07-29T00:51:18Z-
dc.date.available2021-07-30T03:00:13Z-
dc.date.issued2021-05-28-
dc.identifier.citationFONSECA, Lucas Soares Oliveira da. Avaliações educacionais em larga escala: percepções de gestores de escolas públicas municipais de Duque de Caxias e Rio de Janeiro. 2021. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Pedagogia) - Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2021.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/14659-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectPlanejamento educacionalpt_BR
dc.subjectEscolas públicaspt_BR
dc.subjectRio de Janeiro (Estado)pt_BR
dc.subjectPolítica públicapt_BR
dc.titleAvaliações educacionais em larga escala: percepções de gestores de escolas públicas municipais de Duque de Caxias e Rio de Janeiropt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.referee1Koslinski, Mariane Campelo-
dc.contributor.referee2Rosistolato, Rodrigo Pereira da Rocha-
dc.description.resumoO objetivo desta pesquisa é comparar as percepções e os posicionamentos, diante dos resultados de indicadores e avaliações em larga escala, dos gestores de escolas públicas municipais de Duque de Caxias e do município do Rio de Janeiro (RJ) e, com isso, apresentar uma contribuição refinada sobre como a educação pública, de um modo amplo, vêm sendo desenvolvida e oferecida na sociedade, em especial nos municípios analisados no estudo. Nesse sentido, pretende-se investigar como os dados das avaliações educacionais de larga escala e outros indicadores específicos podem contribuir para o aperfeiçoamento de políticas públicas que beneficiam o trabalho oferecido nas escolas. Para realização do trabalho, optei por uma metodologia de cunho qualitativo, onde utilizei entrevistas realizadas com gestores escolares de escolas públicas municipais das cidades citadas, bem como fiz um alinhamento dos dados resultantes das mesmas com os conteúdos bibliográficos e conceituais aqui devidamente elucidados. As entrevistas semiestruturadas funcionaram como um ótimo instrumento para conhecer melhor os posicionamentos e olhares dos gestores e da realidade de cada rede, bem como para estabelecer elos com a fundamentação teórica. Após a análise, constatou-se que os gestores da maioria das escolas de ambas as redes se sentem cobrados pelas administrações centrais no que concerne ao desempenho nesses indicadores, mas, afirmam que os sistemas escolares não oferecem subsídios suficientes para auxiliar as unidades. No entanto, também foi relatado que a rede municipal carioca de ensino, durante o período estudado, fomentava investimentos em formação continuada dos professores, capacitação dos gestores e a implementação de bônus salarial aos profissionais da educação das escolas que atingissem as metas nesses indicadores. Um outro aspecto plausível de comparação entre as duas redes, é que em Duque de Caxias quase não foram detectadas escolas que publicam seus indicadores, omitindo-se da prestação de contas à comunidade em geral. Já nas escolas públicas cariocas, ocorre justamente o contrário. As equipes gestoras preconizam e enfatizam a inclusão dos resultados nos Projetos Político-Pedagógicos e nos murais informativos das escolas, proporcionando a publicidade das informações.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Educaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Pedagogia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LFonseca.pdf521.21 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.