Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/1704
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorRibeiro, Ana Paula Goulart-
dc.contributor.authorReis, Flávia Florentino Marcondes dos-
dc.date.accessioned2017-03-31T20:18:53Z-
dc.date.available2017-04-02T03:00:09Z-
dc.date.issued2007-12-12-
dc.identifier.citationREIS, Flávia Florentino Marcondes dos. Jornalismo e história: fonte memória e interdisciplinaridade. 2007. 54 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Jornalismo) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2007.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/1704-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectJornalismopt_BR
dc.subjectHistóriapt_BR
dc.subjectMemóriapt_BR
dc.titleJornalismo e história: fonte memória e interdisciplinaridadept_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/2408262120718131pt_BR
dc.contributor.referee1Junqueira, Maria Helena-
dc.contributor.referee2Herschmann, Micael Maiolino-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/8285658527971096pt_BR
dc.description.resumoReflexão acerca da utilização dos jornais como fonte legítima para a pesquisa histórica. Ao longo dos anos, a mídia apropriou-se de um sentido de construção da história através da apropriação da memória e de técnicas narrativas que pregam objetividade e imparcialidade. Neste percurso, à medida que a ditadura do acontecimento, associada às inovações tecnológicas, se tornava sua ferramenta principal, entrou em conflito com os historiadores, antes única autoridade na categorização do fato histórico. Apesar da crítica destes em relação a esta apropriação, a legitimidade adquirida culturalmente pelo jornalismo impôs a busca de um caminho que integrasse as duas disciplinas. Assim, enquanto o jornalismo fortalece sua imagem de testemunha da história ao alcançar posição privilegiada na representação da realidade, o historiador, dotado de um conhecimento científico que lhe é próprio, encontra caminhos para utilização desta imensa fonte de documentação e pesquisa.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Comunicaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::JORNALISMO E EDITORACAOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Comunicação - Jornalismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FFMReis.pdf981,67 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.