Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/1825
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMartins, Joaquim Welley-
dc.contributor.authorMendes, Gabriel Braga-
dc.date.accessioned2017-04-25T17:19:58Z-
dc.date.available2017-04-27T03:00:12Z-
dc.date.issued2008-07-09-
dc.identifier.citationMENDES, Gabriel Braga. Cinco décadas, três poderes e um jornal. 2008. 85 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação - Habilitação em Jornalismo) - Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/1825-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectJornalismo políticopt_BR
dc.subjectSeparação de poderespt_BR
dc.subjectMeios de comunicação de massapt_BR
dc.titleCinco décadas, três poderes e um jornalpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/1061016312083509pt_BR
dc.contributor.referee1Refkalefsky, Eduardo-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/9511577097026908pt_BR
dc.contributor.referee2Barbosa, Gabriel Collares-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/9574814628228974pt_BR
dc.description.resumoEstudo qualitativo e quantitativo sobre a cobertura dos três poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) pelo jornal O Globo, nos anos de 1968, 1978, 1988, 1998 e 2008. Foram pesquisadas na Biblioteca Nacional todas as edições do mês de março dos cinco anos escolhidos. Na parte quantitativa, avaliou-se o espaço reservado a cada poder ao longo do tempo. Paralelamente, a análise qualitativa forneceu o contexto histórico e político dos anos abrangidos. Para embasar a discussão sobre os resultados obtidos, foram revisados os clássicos da teoria política mundial, desde Maquiavel, passando por Locke, Hobbes e Montesquieu, até chegar a Rousseau e os federalistas norte-americanos. Também se analisou brevemente a idéia, defendida por alguns teóricos da comunicação, de que a mídia se estabeleceu como um quarto poder informal. A partir da pesquisa, foi possível percorrer a história da relação dos três poderes com a mídia nos últimos 40 anos e apontar as tendências do atual cenário político brasileiro.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Comunicaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::JORNALISMO E EDITORACAOpt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Comunicação - Jornalismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GMendes.pdf497,75 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.