Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/4000
Type: Dissertação
Title: Comportamento reprodutivo de Mussismilia hispida (Verril, 1902) (Cnidaria, Anthozoa, Scleractinia)
Author(s)/Inventor(s): Neves, Elizabeth Gerardo
Advisor: Pires, Débora de Oliveira
Abstract: Através de análises histológicas foi verificado o padrão reprodutivo de Mussismilia hispida, espécie zooxantelada de coral, endêmica na costa brasileira. Fragmentos provenientes de 2 colônias fixas, as quais foram marcadas no campo para que pudessem ser repetidamente amostradas, e de 1O colônias escolhidas ao acaso foram mensalmente obtidos no período de abril/89 a março/90, na Praia da Tartaruga, Búzios, Rio de Janeiro. Os resultados mostraram que M. hispida é uma espécie hermafrodita sequencial, cujo modo de reprodução envolve a liberação de gametas para fertilização e desenvolvimento externos. Células femininas surgiram antes das masculinas e foram inicialmente observadas em abril/89. O tamanho dos ovócitos de Estágio 1, parcialmente imersos na camada mesogleal, variou de 13,04μm a 19,56μm. Entre fevereiro/90 e março/90, ovócitos alcançaram o máximo de amadurecimento e estavam aptos para fertilização. O maior ovócito de Estágio Ili encontrado no período, possuía 521, 76μm. Desencadeamento do ciclo espermático ocorreu em dezembro/89 e prosseguiu até março/90. Ovócitos e cistos maduros ocorreram concomitantemente sobre os mesmos mesentérios férteis, durante o verão, e desapareceram em algumas amostras entre fevereiro/90 e março/90. Amadurecimento das gônadas prosseguiu sob influência da elevação da temperatura da água, fornecendo evidências de sincronia sazonal no ciclo reprodutivo. Histologicamente, observou-se uma assincronia intercolonial no desenvolvimento dos gametas durante a estação reprodutiva. Sob este aspecto, foi possível deduzir que diferentes colônias da população reproduziram-se em momentos distintos ao longo do período de desova. Não foram encontradas zooxantelas no interior dos ovócitos de pré-desova, os quais caracteristicamente apresentavam grande acúmulo de material vitelínico e vesícula germinativa periférica.
Abstract: Through histological analysis the reproductive pattern of Mussismilia hispida, a zooxanthellate coral species endemic to the Brazilian coast was verified. Fragments from 2 tagged colonies, which were marked in the field in order to be repeatedly sampled, and 10 others haphazardly chosen were collected monthly, from April/89 to March/90, at Praia da Tartaruga, Buzios, Rio de Janeiro. The results showed that M. hispida is a sequential hermaphroditic species with a broadcast-spawning mode of reproduction, and external fertilization and development. Female cells developed prior to male cells, and were first observed in April/89. Size of Stage I oocytes partially immersed into mesogleal layer ranged from 13,04μm to 19,56μm. Between February/90 and March/90, oocytes reached maximum ripeness and were ready for fertilization. The largest Stage Ili oocyte found in this period had 521,76μm. The spermatic cycle began in December/89 and continued through March/90. Mature oocytes and cysts occurred concomitantly on the sarne fertile mesenteries during summer, and disappeared from some samples between February/90 and March/90. Gonad maturation occurred with increasing sea-water temperature, evidencing seazonal synchrony in the reproductive cycle. Histologically, an intercolonial asynchrony in the development of the gametes during the breeding season was observed. From this, it was possible to infer that different colonies of the population reproduced at different times throughout the spawning period. No zooxanthellae were found in pre-spawning oocytes, which characteristically had a large amount of vitelline material and a peripheral germ vesicle.
Keywords: Mussismilia hispida
Scleractinia
Cnidários
Antozoários
Subject CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::COMPORTAMENTO ANIMAL
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas (Zoologia)
Department : Museu Nacional
Publisher: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Issue Date: 24-Jul-1998
Publisher country: Brasil
Language: por
Right access: Acesso Aberto
Appears in Collections:Zoologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
273236.pdf4,43 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.