Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11422/4313
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva Júnior, Gerson Cardoso da-
dc.contributor.authorAlmeida, Ghislaine Medeiros de-
dc.date.accessioned2018-07-12T14:14:43Z-
dc.date.available2018-07-14T03:00:20Z-
dc.date.issued2007-03-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11422/4313-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio de Janeiropt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectHidrogeoquímicapt_BR
dc.subjectIntrusão salinapt_BR
dc.titleLevantamento de parâmetros hidrogeológicos para estudo da intrusão salina em aqüíferos costeiros da região litorânea do município de Maricá, RJpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/4103236636522942pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/8539693223394518pt_BR
dc.contributor.referee1Seoane, José Carlos Sícoli-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5256359048551589pt_BR
dc.contributor.referee2Castro, João Wagner de Alencar-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/2119445641412811pt_BR
dc.description.resumoA área costeira de Maricá, no litoral leste do estado do Rio de Janeiro, tem na água subterrânea sua principal fonte de abastecimento. Com a crescente demanda dos recursos hídricos subterrâneos são esperados problemas de abastecimento e contaminação, além do fenômeno da intrusão de água marinha nesses aqüíferos. O recurso hídrico subterrâneo da área-alvo vem sofrendo uma degradação de sua qualidade devido ao avanço da cunha salina marinha, pelo excesso de bombeamento sem controle e também pela poluição de origem orgânica. Considerando o exposto, este estudo visa contribuir para um melhor conhecimento das características hidrogeológicas de modo a auxiliar o gerenciamento do aqüífero costeiro da área estudada. A região é composta por um aqüífero do tipo granular e a geologia local é constituída basicamente por depósitos de restinga, marinhos e flúvio marinhos de idade quaternária que ocupam a faixa litorânea, sobrepostos a um embasamento cristalino de profundidade variável. Além do estudo de dados hidrológicos previamente existentes na área, como resultados de antigas pesquisas dos próprios autores, dados de chuva, etc., realizou-se um levantamento de dados hidrogeológicos de campo em 41 poços, com medições de parâmetros físico-químicos e hidrodinâmicos (temperatura, condutividade elétrica, nível d’água, etc.). Ademais, instalou-se uma instrumentação automática para avaliação da resposta do aqüífero quanto à recarga. Os resultados indicam que os níveis de salinidade do aqüífero local tendem a ser mais elevados na sua porção SE, e também que, aparentemente, tem havido um aumento da salinização do aqüífero nos últimos anos, o que demanda ações urgentes de gestão.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Geociênciaspt_BR
dc.publisher.initialsUFRJpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIApt_BR
dc.embargo.termsabertopt_BR
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ALMEIDA, G.M.pdf1.99 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.