Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5315
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Minerais Pesados da formação Resende (Bacia de Resende, Estado do Rio de Janeiro)
Autor(es)/Inventor(es): Fiuza, Raunier Villain
Orientador: Mello, Claudio Limeira
Coorientador: Ávila , Ciro Alexandre
Resumo: A Formação Resende é o principal registro litoestratigráfico da bacia de Resende, que está inserida no segmento central do Rifte Continental do Sudeste do Brasil, apresentando a maior extensão e o maior volume de material entre as unidades na bacia. Esta unidade possui idade do Eoceno-Oligoceno e é composta por sedimentos de origem fluvial (arenitos arcoseanos médios a grossos com estratificação cruzada acanalada, siltitos, argilitos e conglomerados finos a médios, maciços ou com estruturas cruzadas) e de leques aluviais (lamitos arenosos e brechas clasto-suportadas). O principal recurso mineral extraído da unidade é água, sendo o principal aquífero da região. O presente trabalho tem como objetivo identificar e descrever os minerais pesados presentes nas rochas sedimentares da Formação Resende. Foram analisadas amostras de sete pontos ao longo da bacia, envolvendo as seguintes etapas: quarteamento; separação granulométrica; separação densimétrica; separação magnética; separação eletromagnética; identificação e descrição em estereomicroscópico; e estimativa de frequência. A mineralogia básica encontrada foi ilmenita, granada incolor, granada rosa, granada vermelha, turmalina, monazita cristalina, monazita terrosa, monazita caramelo opaca, cianita, estaurolita, apatita, rutilo, muscovita, biotita, hidrobiotita, zircão, quartzo e feldspato, todos apresentado angulosidade. Esses minerais no entanto não se apresentam distribuídos de forma equânime ao longo da Formação Resende. Comparando esses dados com a bibliografia pequisada pode-se confirmar a proposta de diversos autores que o embasamento proximal da bacia serviu como principal fonte de sedimentos para a bacia, mas não foi possível determinar qual da bordas teve maior influência, se a borda norte ou sul.
Palavras-chave: Bacia de Resende
Formação Resende
Estado do Rio de Janeiro
Minerais pesados
Estereomicroscopia
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Departamento: Instituto de Geociências
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Dez-2010
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5315
Aparece nas coleções:Geologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FIUZA, R.V.pdf1,87 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.