Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/11422/5594
Tipo: Trabalho de conclusão de graduação
Título: Levantamento da coleção Petrográfica da comissão Geológica do Império e seu vínculo histórico no acervo do Museu Nacional
Autor(es)/Inventor(es): Souza, Caroline Mignot de
Orientador: Ramos, Renato Rodriguez Cabral
Coorientador: Fernandes, Antonio Carlos Sequeira
Resumo: O presente trabalho tem como objetivo o levantamento físico e histórico do acervo de espécimes rochosos coletado pela Comissão Geológica do Império (1875-1877), atualmente incorporado à coleção Petrográfica do Departamento de Geologia e Paleotologia (DGP) do Museu Nacional/UFRJ, bem como a reconstituição das expedições científicas empreendidas por esta Comissão nos anos 70 do século XIX. Esta reconstituição foi feita a partir de levantamento bibliográfico, documentos originais e do acervo de espécimes litológicos relativos à Comissão, pertencentes ao acervo do Museu Nacional/UFRJ. A metodologia da pesquisa se dividiu em duas partes principais. A primeira com enfoque no contexto histórico, tanto da comissão quanto do país no momento em que a Comissão Geológica do Império foi inserida, para compreender o interesse tanto científico, quanto político, em se financiar a comissão que pela primeira vez estudaria a incógnita em termos geológicos que era o território brasileiro até então. Esta primeira parte foi desenvolvida a partir da pesquisa de documentos primários relacionados à Comissão, constantes do acervo da Seção de Memória e Arquivo (SEMEAR) do Museu Nacional. Esses documentos acompanham a base de fatos cronológicos da bibliografia e foram trabalhados de forma complementar para a reconstrução da história da comissão. São documentos como avisos no livro de ofícios, cartas, inventários e contratos firmados, relativos à Comissão ou ao seu líder, Charles Frederick Hartt (1840-1878). A segunda parte da pesquisa é voltada para o acervo de espécimes litológicos da Comissão Geológica. Nesta fase foi realizado o levantamento desta coleção enfatizando-se os litotipos e seus locais de coleta. Mais uma vez de forma complementar com as informações bibliográficas, os dados levantados foram utilizados para recriar o roteiro percorrido pelo grupo, tendo com o objetivo final de gerar quadros de dados coletados, mapas representativos do roteiro com a plotagem das amostras recolhidas para a visualização da distribuição da coleta pelo Brasil e a construção de uma linha do tempo de reconstituição histórica da primeira comissão geológica de grande porte do país.
Palavras-chave: Comissão Geológica do Império
Museu Nacional
Charles Frederick Hartt
Assunto CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOLOGIA
Departamento: Instituto de Geociências
Editor: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Data de publicação: Jan-2014
País de publicação: Brasil
Idioma da publicação: por
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/11422/5594
Aparece nas coleções:Geologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
SOUZA, C.M.pdf2,79 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.